As diferenças entre os sprinklers em pé e o pendente

Escrito por dan ferrell | Traduzido por gabriela drumond
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
As diferenças entre os sprinklers em pé e o pendente
Sprinklers verticais e pendentes possuem algumas diferenças sutis (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

A diferença básica entre um sprinkler anti-incêndio vertical e um pendente é a posição de cada um em um cano de água. Um sprinkler vertical está, como o próprio nome indica, fixado verticalmente no encanamento, enquanto um do tipo pendente está pendurado no cano. Estes dois tipos de sprinklers, no entanto, possuem mais diferenças do que seus arranjos distintos.

Outras pessoas estão lendo

Configuração

Devido à sua configuração particular, os sprinklers verticais e pendentes são classificados a partir do tipo de distribuição do sistema. Ambos possuem um design que lhes permite borrifar água em um padrão semelhante, a partir de suas respectivas posições. Um sprinkler vertical, no entanto, vem com um defletor de água no topo, para que ela saia dos orifícios sendo jogada para cima e depois se espalhe em um padrão circular. Como o tipo pendente está pendurado no cano, o seu defletor é posicionado em seu inferior, mas espalha a água da mesma forma circular como um sprinkler vertical.

Visibilidade

Sprinklers verticais, que são utilizados principalmente em armazéns ou construções de grande estrutura, ficam visíveis no teto. Os do tipo pendente, usados ​​principalmente em edifícios de escritório ou em casa, podem ser visíveis ou não. Quando ocultado, o sprinkler pendente é escondido no teto sob uma tampa especial que cai quando a temperatura ambiente sobe a um nível pré-determinado. Se a temperatura continuar a subir, o sprinkler escondido cai automaticamente e começa a borrifar água.

As diferenças entre os sprinklers em pé e o pendente
Sprinklers pendentes são comuns em edifícios de escritórios (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Cobertura eficaz

Sprinklers verticais são usados ​​principalmente em lugares onde obstruções podem bloquear o spray de água durante um incêndio. Sua altura permite que mirem a água em torno de possíveis obstáculos. Uma desvantagem é que o cano de um sprinkler vertical pode se tornar um obstáculo em si mesmo para uma cobertura eficaz a ser realizada pelo fluxo de água durante a operação. Sprinklers do tipo pendente são utilizados principalmente em edifícios que abrigam escritórios, onde obstruções à pulverização de água são mínimas.

Velocidade

Sprinklers, tanto na posição vertical quanto pendente, distribuem a água de uma forma circular. Este padrão radial de fluxo de água começa entre o orifício do sprinkler e o deflator, em um tipo pendente, e entre o orifício e um pouquinho acima do defletor no tipo vertical. Esta configuração tende a dar sprinklers pendentes uma velocidade de fluxo maior em comparação com os verticais, embora esta diferença não seja tão significante, como registrado em um estudo de 2002 publicado pela Building and Fire Research Laboratory of the National Institute of Standards and Technology (Laboratório de Construção e Pesquisa em Fogo do Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia). Modelos modernos de sprinklers verticais começaram a trabalhar esta questão para coincidir com taxa de resposta de sprinklers pendentes.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível