Diferenças entre TTF, OTF e DFONT

Escrito por elizabeth mott | Traduzido por josé fabián
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Diferenças entre TTF, OTF e DFONT
Sem software de fontes tipográficas, as notícias e comunicações não seriam possíveis. (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Seja em um Mac ou PC com Windows, você trabalha com fontes todos os dias. Desde designers gráficos, que criam coleções de centenas e até milhares de fontes tipográficas, até profissionais que usam apenas aquelas tipografias que vêm com o sistema operacional e aplicações, os usuários de computadores as usam para criar documentos, montar interfaces de usuário e ler conteúdo online. Entender as diferenças entre os formatos de arquivos de fontes mais comuns pode ajudá-lo a usar, e até aproveitar, todas as opções disponíveis.

Outras pessoas estão lendo

TTF

A extensão de arquivo TTF apareceu nas tipografias TrueType do Windows. Com a chegada do Mac OS X, ela deixou de ser exclusiva da plataforma para ser compatível com ambos sistemas operacionais. A Apple inventou o formato TrueType com o objetivo de substituir as antigas fontes de mapas de bits por uma alternativa mais flexível para distribuir as fontes do sistema operacional Mac. O TrueType usa um arquivo único para conter todas as instruções matemáticas e informáticas necessárias para mostrar os caracteres na tela e no papel. Em comparação com algumas normas tipográficas persistentes, tais como o formato PostScript Tipo 1 da Adobe Systems, o TrueType usa menos curvas para construir os símbolos e elas são mais simples.

OTF

A extensão OTF indica um tipo de fonte OpenType, que usa as últimas tecnologias de fontes do mercado. Como o TrueType, o OpenType funciona em várias plataformas. Diferente da maioria dos formatos antigos, o OpenType permite ao designer tipográfico produzir um arquivo único com a capacidade de aplicar múltiplos estilos e suportar conjuntos de caracteres multilíngues. As fontes OpenType também podem incluir alternativas de estilo que permitam às aplicações empregar diferentes formas de um caractere, dependendo do contexto no qual apareça. Essa tecnologia permite aos designers criar símbolos que pareçam como a escrita à mão, com formas diferentes. Dentro de uma fonte OpenType individual, a tecnologia subjacente pode ser baseada em algoritmos TrueType ou PostScript Tipo 1.

DFONT

A extensão de arquivo DFONT indica uma fonte Datafork TrueType. Este formato de arquivo foi pensado para fornecer fontes do sistema sob Mac OS X. Com a introdução do Mac OS X 10.6 Snow Leopard, a Apple substituiu os arquivos DFONT pelo formato TTC, ou TrueType Collection, que funcionam de forma parecida às fontes OpenType, pois permitem incluir múltiplos estilos em um arquivo único. As DFONT funcionam apenas sob Mac OS X e portanto constituem um formato proprietário, pois não há projetos de desenvolvimento multiplataforma para suportá-lo em diferentes sistemas operacionais.

Outros formatos

As fontes de mapas de bits antigas ofereciam suporte para saída em tamanhos específicos, significando que, se você tinha que usar três tamanhos da mesma fonte no seu documento, precisava de software que pudesse produzir cada tamanho. Essa limitação foi rapidamente considerada complexa para os designers gráficos. As fontes PostScript Tipo 1 quebraram esse modelo e ofereceram caracteres escaláveis quase que infinitamente, requerendo uma impressora compatível com a tecnologia. A Adobe Systems, criadora do formato, permitiu ao software Adobe Type Manager remover essa limitação de saída. O Tipo 1 passou de ser um modelo originalmente exclusivo de Mac para ser suportado por várias plataformas, apesar das fontes individuais continuarem sendo exclusivas. Além das fontes PostScript, os usuários de Mac tiveram, por um tempo, suporte ao QuickDraw GX, um formato que ofereceu conjuntos amplos de caracteres como o OpenType. O formato desapareceu, pois não conseguiu ganhar suporte das aplicações.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível