×
Loading ...

Diferentes tipos de editoriais

Atualizado em 17 abril, 2017

Um olhar nas últimas páginas de qualquer jornal irá lhe proporcionar a leitura de artigos que são bastante diferentes das histórias de primeira página sobre assaltos a bancos ou eleições políticas. Esses artigos, chamados editoriais ou opiniões, são de colunistas falando não o que aconteceu, mas as suas opiniões sobre o que aconteceu. Esta é a diferença fundamental entre um editorial e a notícia em si. Editoriais e opiniões são basicamente a mesma coisa, exceto que um editorial é publicado sem o nome do autor e é considerado como sendo a opinião do jornal como um todo, enquanto um artigo de opinião é publicado com o nome de um autor e é considerado como sendo a opinião do individuo determinado.

Aprenda um pouco sobre editoriais (Darrin Klimek/Digital Vision/Getty Images)

Argumento/persuasão

A categoria ou editorial principal é o argumento ou modelo de persuasão. Aqui, o autor deliberadamente tenta influenciar o leitor, argumentando a favor de uma posição específica sobre um problema. Mas o ponto não é apenas mudar a mente de alguém. O autor também usa o argumento editorial como um chamado à ação, geralmente incentivando o leitor a fazer algo sobre o assunto em discussão. Editoriais argumentativos são muitas vezes ligados a outros assuntos daquela edição do jornal.

Loading...

Interpretação

Editoriais interpretativos explicam o significado de um evento interessante. Muitas vezes eles são publicados em conjunto com uma ou mais notícias polêmicas sobre o mesmo assunto. Embora o editorial interpretativo seja informativo como o editorial persuasivo, o objetivo do editorial interpretativo não é expressar uma opinião ou ponto de vista.

Comemoração

Editorialistas não apenas reclamam sobre o mundo. Às vezes, eles utilizam o modelo de comemoração. Se um escritor sente que alguém fez algo interessante e positivo, ele vai escrever um editorial para chamar a atenção dos outros para a boa ação. Estas publicações têm um impacto especialmente forte em pequenos jornais da cidade, quando os leitores provavelmente sabem ou conhecem alguém que esteja envolvido com o assunto da notícia. Editoriais comemorativos fazem com que as pessoas saibam que podem esperar mais do que tristeza e desgraça quando leem o jornal.

Sátira

Às vezes, um escritor de editorial pode optar por criticar uma questão de uma forma mais indireta. A sátira é um ótimo método para isso. A sátira envolve o uso de sarcasmo e humor para expor e criticar o que está errado com a sociedade. Apesar de não ser tão eficaz quanto um editorial comemorativo, a sátira em sua própria maneira compensa a negatividade e, portanto, pode ser usada quando se escreve sobre temas que já estejam amargamente debatidos na esfera pública.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...