Como se dirigir a um monsenhor ou cardeal católico

Escrito por ann mazzaferro | Traduzido por camila batista
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como se dirigir a um monsenhor ou cardeal católico
Os membros do clero recebem títulos de acordo com sua posição (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

A hierarquia da liderança da Igreja Católica pode ser confusa para aqueles que não estão familiarizados com sua complexidade. Os membros do clero recebem títulos de acordo com sua posição. Cardeais e monsenhores são similares porque ambos os títulos são honorários e conferidos a membros do clero de serviço extremamente distinto. Um cardeal é tipicamente um bispo ou arcebispo que foi selecionado para atuar no comitê que elege o novo papa, e um monsenhor é um padre diocesano que serviu tanto sua diocese (um distrito ou região) quanto supervisionou o bispo com fidelidade e referência.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Refira-se a um cardeal em apresentações e conversas como "Vossa Eminência", especialmente se você estiver estiver cumprimentando-o pela primeira vez. Com o passar do tempo, é aceitável se dirigir ao cardeal por seu título e sobrenome ("Cardeal Smith"). Isto é fato em todas as sociedades católicas romanas, exceto na igreja da Grã-Bretanha, onde um cardeal deve ser tratado como "Vossa Graça". Uma vez que um monsenhor está abaixo de um cardeal na hierarquia, uma saudação menos formal é usada. É aceitável se apresentar e se dirigir a um monsenhor por seu título e sobrenome ("Monsenhor Brown").

  2. 2

    Destine cartas para cardeais escrevendo "Sua Eminência/Graça" (dependendo do país), o primeiro nome do cardeal, o título, o sobrenome e a diocese no envelope. O nome final no endereço será "Sua Graça, Thomas Cardeal Wolsey, Arcebispo de York". Quando destinar uma carta a um monsenhor, porém, o título é um pouco diferente. Você deve destinar a carta ao "Reverendíssimo Monsenhor Brown" ou ao "Reverendo Monsenhor Brown". Não há regra difícil ou rápida, mas você deve reservar a saudação mais formal "Reverendíssimo..." para um monsenhor que você não conhece muito bem.

  3. 3

    Comece a carta a um cardeal com a saudação adequada. "Eminentíssimo Cardeal" é aceita como forma de saudação em cartas a cardeais britânicos, enquanto "Reverendíssima Eminência" é usado em outros países católicos romanos. "Vossa Eminência" é saudação aceitável se você conhece o cardeal por muitos anos, embora a saudação familiar britânica seja "Meu Senhor Cardeal". Monsenhores podem ser saudados como "Querido Monsenhor".

Dicas & Advertências

  • Ninguém se ofenderá se você for muito respeitoso. Se você está incerto sobre como se dirigir exatamente a um membro do clero, sempre prefira a cautela e use o estilo mais formal de saudação para cada posição.
  • Apresente convidados ao membro do clero em sinal de respeito à função deste. Não apresente o clero aos convidados.
  • Quando entrar em uma reunião com um cardeal, lembre-se de que é sinal de respeito ajoelhar-se no joelho esquerdo e inclinar-se sob sua mão enquanto se dirige a ele pela primeira vez. Repita o gesto quando deixar a presença do cardeal. Você não precisa se ajoelhar na presença de um monsenhor.
  • Homens devem remover chapéus quando se dirigirem a qualquer membro do clero.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível