A dispersão das sementes das árvores de eucalipto

Escrito por bonnie grant | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
A dispersão das sementes das árvores de eucalipto
O eucalipto é a planta principal na alimentação dos coalas (Tom Brakefield/Stockbyte/Getty Images)

Eucalipto é um grande gênero de arbustos e árvores, quase todos nativos da Austrália. As plantas vivem em vários locais, onde as condições são inóspitas. Isto fez com que desenvolvessem continuamente várias adaptações para a sua sobrevivência. Uma delas é o seu método de dispersão de sementes. A maioria das plantas usa pássaros, vento, água ou outras forças naturais para espalhar suas sementes para locais hospitaleiros. As sementes de eucalipto são dispersadas principalmente pelo vento.

Outras pessoas estão lendo

Fruta e sementes

As flores variam nas diferentes espécies de eucalipto, mas todas produzem uma fruta após a sua polinização. As frutas geralmente são cápsulas lenhosas divididas em três a seis câmaras. Dentro de cada câmara encontram-se numerosas sementes, mas, geralmente, apenas algumas são férteis. As sementes possuem um fina cobertura e podem ser ovais ou arredondadas, de cor preta ou marrom-escura. As sementes férteis fixam-se no interior da cápsula por mais tempo que as inférteis.

Método

Logo depois de amadurecer, as frutas se abrem e o vento captura a semente, dispersando-a. Isto ocorre geralmente dentro de um mês ou dois, embora existam algumas espécies de eucalipto que não dispersam sementes por até 10 meses. As frutas não são comestíveis para os pássaros ou outra vida silvestre que normalmente dispersariam as sementes. Mas, em pelo menos um caso, a dispersão de sementes é feita por uma abelha sem ferrão. A espécie Eucalyptus torelliana produz sementes revestidas com resina que as abelhas levam para as suas colmeias.

Semeadura pelo vento

O eucalipto começa a produzir sementes viáveis, entre 5 e 10 anos de idade. A parte interna da fruta produz um farelo, composto de polpa seca e membrana, normalmente encontrado na fruta. Cada 28 gramas de farelo contém cerca de 13.000 sementes. O farelo é marrom-avermelhado e liberado quando a cápsula se abre. A dispersão pelo vento, em geral, não leva a semente para muito longe. Uma árvore de cerca de 40 metros, que libera sementes a um vento soprando a 9,5 km por hora, só dispersará a semente a uma distância de 20 metros. Este método de dispersão assegura que as sementes aterrissem em condições favoráveis em relação à árvore-mãe e estimulem a germinação.

Semeadura e Cultivo

As sementes dispersadas naturalmente pelo vento aterrissam onde este as leva. Se as condições forem favoráveis, germinam em algumas semanas. A germinação é epígea, o que significa que as folhas surgidas nas sementes se elevam do chão em um caule. A maioria das espécies não requer resfriamento. As plantas se desenvolvem depressa e têm um primeiro par de folhas verdadeiras, geralmente em três a seis semanas. As sementes de eucalipto podem ser colhidas e armazenadas, permanecendo viáveis por até 30 anos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível