O que são dispositivos secundários de armazenamento?

Escrito por tim mammadov | Traduzido por milene hermenegildo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que são dispositivos secundários de armazenamento?
O que são dispositivos secundários de armazenamento? (hard drive image by BigDog from Fotolia.com)

Dispositivos secundários de armazenamento, como indica o nome, salvam os dados depois que eles tiverem sido salvos pelo dispositivo de armazenamento primário, normalmente chamado de memória RAM (Random Access Memory). A partir do momento em que se digita uma letra no Microsoft Word, por exemplo, e até que se clique em "Salvar", todo o trabalho é armazenado na memória RAM. No entanto, quando se desliga a máquina, este trabalho é completamente apagado e a única cópia restante fica no dispositivo de armazenamento secundário onde foi salvo, como unidades de disco rígido internas ou externas, drives ópticos para CDs e DVDs ou pendrives.

Outras pessoas estão lendo

Disco rígido interno

A unidade interna de disco rígido é o principal dispositivo de armazenamento secundário, que salva todos os dados magneticamente, incluindo arquivos do sistema operacional, pastas, documentos, músicas e vídeos. Pode-se pensar na unidade de disco rígido como uma pilha de discos montados um por cima do outro e colocados em uma caixa resistente, que giram em alta velocidade para proporcionar acesso fácil e rápido aos dados armazenados em qualquer lugar do disco.

Disco rígido externo

Discos rígidos externos são usados ​​quando a unidade interna não possui mais espaço livre e é preciso armazenar mais dados. Além disso, é recomendável sempre fazer backup de todos os dados e um disco rígido externo pode ser muito útil, já que armazena grandes quantidades de informações. Podem ser conectados por uma conexão USB ou Firewire a um computador e ser ligados a outros discos, caso sejam necessários vários discos rígidos adicionais ao mesmo tempo.

Drive óptico

Uma unidade óptica usa lasers para armazenar e ler dados em CDs e DVDs. Ela basicamente queima uma série de saliências e depressões em um disco, que estão associadas com uns e zeros. Então, essa mesma unidade pode interpretar a série de zeros e uns como dados para serem exibidos no monitor. Existem alguns tipos diferentes de discos de CD e DVD, mas os dois principais tipos incluem R e RW, que significam "Recordable" (gravam informações apenas uma vez) e "Rewritable" ​​(gravam dados mais uma vez).

Pendrive

O dispositivo de armazenamento chamado pendrive também é portátil e pode ser transportado em um chaveiro. Este tipo de dispositivo de armazenamento secundário tornou-se extremamente popular devido ao seu pequeno tamanho e à quantidade de dados que pode armazenar (na maioria dos casos, mais do que um CD ou DVD). Os dados podem ser facilmente lidos através da interface USB (Universal Serial Bus), que agora está presente na maioria dos computadores.

Conclusão

Há uma grande variedade de diferentes dispositivos de armazenamento secundários, sendo que alguns se tornaram obsoletos. Pode-se ainda, lembrar das unidades de fita, que usavam rolos de fita para armazenar dados, ou das unidades de disquetes de 3.5 polegadas, que podiam armazenar apenas quantidades mínimas de informações. No entanto, com o rápido desenvolvimento de pendrives e cartões de memória SD (normalmente usados em câmeras fotográficas), a tecnologia moderna não fica parada, o que permite armazenar mais e mais dados em dispositivos cada vez menores.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível