Doenças associadas à superdosagem de ferro

Escrito por wadia whalen | Traduzido por luigi bahia
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Doenças associadas à superdosagem de ferro
Tomar altas doses de suprimentos férreos pode resultar em overdoses de ferro (health supplement pills image by weim from Fotolia.com)

A sobrecarga de ferro ocorre quando existe um excesso de ferro no corpo. Isto pode acontecer devido a fatores genéticos, ao consumo excessivo de suplementos de ferro, a uma grande quantidade de transfusões de sangue ou injeções de ferro. Quando os órgãos vitais de um indivíduo sofrem sobrecarga de ferro, sofrem um risco maior de doenças do fígado, coração e tireoide. O tratamento para a sobrecarga de ferro é a terapia de redução de ferro ou a retirada de sangue, também conhecida como flebotomia.

Outras pessoas estão lendo

Doenças hepáticas

Doenças hepáticas são a condição mais comum resultante da sobrecarga de ferro, envolvendo um número de fatores que provocam perturbações na função natural do fígado, tais como cirrose, câncer do fígado ou insuficiência hepática. Se um indivíduo desenvolver cirrose, os tecidos saudáveis ​​do fígado serão cada vez mais substituídos por tecido cicatricial não funcional. O câncer de fígado se desenvolve como resultado de danos ao fígado devido à sobrecarga de ferro. Os danos causados pela cirrose ou câncer podem resultar em insuficiência hepática, ou seja, o fígado deixa de funcionar, uma condição de risco de vida. O tratamento de doenças do fígado inclui a terapia de radiação, cirurgia e transplantes.

Falhas cardíacas

A sobrecarga de ferro pode causar uma doença cardíaca grave chamada cardiomiopatia restritiva. Ela é uma doença que faz com que as paredes das câmaras inferiores do coração tornem-se rígidas, restringindo a sua capacidade de se expandir quando preenchidas por sangue. Eventualmente, um indivíduo que tem essa condição há de sofrer de insuficiência cardíaca, ou seja, o coração não consegue mais bombear sangue. Os profissionais de saúde costumam tratar a cardiomiopatia restritiva abordando a condição causadora da doença.

Hipertireoidismo

O hipertireoidismo ocorre quando a tireoide produz uma grande quantidade de hormônios. Esta glândula, localizada na parte da frente do pescoço, controla a velocidade do metabolismo no corpo, e tem um impacto sobre a função do coração, ossos, músculos e colesterol. Hormônios demais no organismo podem causar taquicardia, suor excessivo, perda de peso repentina e nervosismo. O hipertireoidismo é facilmente tratado com medicação prescrita. Se a condição não for tratada, e os hormônios se acumularem no organismo, uma condição potencialmente fatal chamada tempestade de tireoide pode se desenvolver. Uma pessoa com este distúrbio deve procurar assistência médica imediata.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível