on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

As doenças que atingem os kinguios e seus sintomas

Atualizado em 10 abril, 2017

Existem várias doenças comuns aos kinguios que podem ser contagiosas se não forem tratadas a tempo. A maioria dos kinguios se recupera completamente quando é tratada adequadamente. Algumas das doenças mais comuns incluem a boca de algodão, hidropisia, as nadadeiras roídas, vermes, ictio e pele de veludo.

Existem várias doenças que são comuns aos kinguios (iStock Photo)

Boca de algodão

A boca de algodão, uma condição que pode afetar todos os peixes de água doce, é uma infecção bacteriana. Os sintomas incluem comportamento letárgico, crescimento filiforme e felpudo na boca e ressecamento ou presença de muco grosso na pele do peixe. Dentre as opções de tratamento para essa condição, podemos citar alimentos com medicação, injeções antibacterianas ou Melafix, que é uma substância disponibilizada comercialmente. Essa condição pode ser evitada mantendo a qualidade da água e reduzindo o nível de resíduos orgânicos do aquário.

Loading...

Hidropsia

A hidropsia é uma infecção comum de cunho viral ou bacteriano e é causada por estresse ou condições não adequadas da água do aquário. Os sintomas da hidropisia podem incluir inchaço corpóreo, perda de escamas, úlceras corporais, perda de apetite e salientamento dos olhos. Por ser uma condição difícil de se tratar, a taxa de mortalidade de peixes com hidropisia é bastante elevada. O tratamento envolve antibióticos de amplo espectro, soluções de sal adicionadas à água, alimentos medicamentosos e elevação da temperatura da água do aquário para níveis entre de entre 25 e 26 graus Celsius.

Vermes

Os vermes, incluindo vermes da guelra e os corporais, são um parasita comum que peixes de água doce podem contrair. Os sintomas incluem isolamento, coceira, barbatanas presas e muco e brilho excessivo. Os kinguios também podem desenvolver úlceras e feridas devido à coceira. Dentre as opções de tratamento de cura rápida podemos citar a formalina e permanganato de potássio. A repetição do tratamento pode ser necessária para aniquilar os vermes recém-nascidos, se houver a presença de ovos ou de larvas no aquário.

Ictio

O ictio, também conhecido como "pontinhos brancos", é uma doença comum que afeta tanto os kinguios quanto outras variedades de peixes de água doce. A doença é simples de ser detectada, uma vez que provoca o aparecimento de pontos brancos em toda a extensão corporal do peixe, inclusive nas barbatanas. Se um de seus peixes desenvolver ictio, todo o aquário terá de ser tratado utilizando uma solução de 0,3 por cento de água salgada e cobre, juntamente com formalina ou malaquite verde, sendo todas essas substâncias encontradas comercialmente. O tratamento deve perdurar durante pelo menos seis dias e o substrato do aquário deve ser trocado para uma devida remoção dos parasitas restantes.

Pele de veludo

A pele de veludo é uma doença causada pela presença do parasita Oodinium e é capaz de tomar conta de todo o aquário, assim como o ictio. Seus sintomas incluem coceira, brilho excessivo e manchas brancas ou amareladas na pele do peixe. O tratamento deve ser efetuado com um medicamento que contenha formalina e deve durar pelo menos três dias. Para ajudar a prevenir essa doença, os novos peixes adquiridos devem ser mantidos em quarentena em um aquário separado antes de serem ambientado ao aquário principal.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...