Doenças comuns em cavalos

Escrito por john lindell | Traduzido por luis fernando dias carvalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Doenças comuns em cavalos
Atenção à aparência que o cavalo apresenta, pois pode ser sinal de alguma doença (Horse image by filipkaluzny from Fotolia.com)

Cavalos estão sujeitos a uma variedade de doenças e condições. Entre as mais comuns estão as doenças que são transmitidas por picadas de carrapatos e de mosquitos. Doenças que são causadas por bactérias são comuns em cavalos, e há outras doenças frequentemente vistas que são causadas por vírus. Doenças em cavalos manifestam com numerosos sintomas, variando desde os comuns, como diarreia, aos mais sérios, como perda de controle muscular.

Outras pessoas estão lendo

Síndrome de Cushing

A Síndrome de Cushing é uma doença comum que ataca o sistema endócrino do animal. É uma condição incurável, mas pode ser administrada na maioria das situações com medicação apropriada. O resultado de um problema que afeta a glândula pituitária, a Síndrome de Cushing faz com que a glândula pituitária produza uma quantidade excessiva de um hormônio conhecido como cortisol. Este hormônio regula um número de funções no animal, e sua super-produção pode trazer sintomas, como um pelo ondulado espesso, sede, apetite incomum, perda de peso, mesmo o cavalo comendo bem, e micção frequente. A Síndrome de Cushing ocorre na maioria das vezes em cavalos mais velhos, porém, visto que muitos dos sintomas da doença são atribuídos à idade, o diagnóstico não é frequentemente feito até que o cavalo tenha sofrido da síndrome por algum tempo.

Tétano

Tétano é uma infecção perigosa que é causada pela entrada de bactéria no ferimento em um cavalo. Pode também ser transmitida a um filhote, por sua mãe, pelo cordão umbilical. Os sinais iniciais desta doença são cólica e rigidez nos músculos, em que os cavalos têm espasmos no pescoço, parte posterior da perna, mandíbula e na região próxima ao ferimento, onde a bactéria tem o primeiro acesso. O tétano irá eventualmente matar um cavalo por paralisia respiratória se não for tratado. Porém, se o ferimento for limpado e todo o tecido na área infectada for removido, então os antibióticos devem controlar a infecção.

Encefalite equína

Picada de mosquito pode infectar o cavalo com uma doença viral conhecida como encefalite, que comumente manifesta de três formas. Encefalite equina do Leste, do Oeste e Venezuelana irão atacar o sistema nervoso central de um cavalo. Febre alta, que dure num intervalo de dois a três dias, é o sinal inicial da doença. O cérebro do animal se torna inflamado com o tempo, de forma que o animal perde coordenação, controle muscular e se torna terrivelmente lento. As fases finais da encefalite causa convulsões e paralisia. A versão oriental da doença é a mais perigosa, com taxas de mortalidade de até 90%. Tratamento para encefalite num cavalo contaminado, em que mosquitos transitem por pássaros por eles picados, é limitado. A melhor forma de proteger um cavalo é a vacinação contra a doença por um veterinário autorizado.

Vírus do Nilo Ocidental

O Vírus do Nilo Ocidental é outro tipo de doença viral causada por mosquito em cavalos, que é espalhada quando o mosquito pica um pássaro infectado e transmite a doença ao cavalo por sua picada. O vírus do Nilo Ocidental resulta em encefalite, juntamente com possível meningite, que é um inchaço do revestimento da espinha dorsal e do cérebro. Tremura nos músculos, má coordenação e letargia são sinais desta doença. Cavalos podem ser vacinados contra o vírus do Nilo Ocidental, ao contrário dos humanos, que também são vulneráveis a esta doença.

Doenças causadas por carrapatos

Picadas de carrapatos são responsáveis por transmitir várias doenças a cavalos. A Doença de Lyme é bacteriológica, e lentamente traz sintomas como artrite e dores em um cavalo. Antibióticos podem ajudar o cavalo, mas isso pode levar até dois anos. A ehrlichiose equína é uma doença transmitida por carrapatos, na qual pequenos microrganismos provocam febre no cavalo e faz com que eles percam o apetite, mas o tratamento com antibiótico pode curar o cavalo quando a doença for diagnosticada. Anemia extrema é o resultado da piroplasmose equina, enquanto a febre do carrapato do Colorado é uma infecção viral severa. Ambas são doenças equinas comuns provocadas por picada de carrapato.

Doenças comuns em cavalos
Este é um tipo de carrapato (Tick crawling on human skin. image by blindfire from Fotolia.com)

Outras doenças comuns

A gripe equina afeta o sistema respiratório superior de um cavalo com sintomas como febre, tosse e falta de apetite. A febre Potomac causa diarreia, com a grande maioria dos casos na parte leste dos Estados Unidos. A cinomose é uma doença equina que é muito contagiosa entre os cavalos. Ela pode causar inchaço nos nódulos linfáticos do animal na região da mandíbula. Cavalos abaixo da idade de dois anos pode adquirir o vírus da herpes equina, uma doença que faz os cavalos tossirem e terem um corrimento pelo nariz.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível