Dor estomacal na porção lateral do abdômen

Escrito por cicely a. richard | Traduzido por fabiana silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A dor de estômago lateral muitas vezes ocorre por causa de problemas digestivos, intestinais, de fertilidade, apendicite ou depois que o indivíduo se recuperou de uma doença. Dependendo do lado em que ela ocorre, se do lado direito ou esquerdo, o médico é capaz de determinar que tipo de doença está afetando o paciente. Para cuidar dos problemas de saúde que causam dor estomacal lateral, é preciso seguir um tratamento médico e mudar o estilo de vida.

Outras pessoas estão lendo

Síndrome do intestino irritável

A síndrome do intestino irritável, um distúrbio digestivo comum, causa dor na porção esquerda do abdômen e outros desconfortos como cólicas, constipação e diarreia. O National Digestive Diseases Information Clearinghouse afirma que, embora os pacientes que sofrem de SII sintam dor e desconforto, essa condição não evolui para um problema grave de saúde. As mudanças na dieta, controle do estresse e o uso de medicamentos são suficientes para tratar essa condição digestiva.

Síndrome do ovário policístico

O National Women’s Health Information Center informa que a síndrome do ovário policístico (SOP) afeta o ciclo menstrual, a fertilidade, o equilíbrio hormonal, o coração e os vasos sanguíneos da mulher. Os sintomas da SOP incluem acne, crescimento de pelos, ganho de peso, problemas de fertilidade e dor de estômago na porção lateral do abdômen. Os médicos não descobriram as causas particulares dessa condição, embora a genética desempenhe um papel importante. O tratamento para a síndrome inclui o uso de contraceptivos orais, medicamentos para fertilidade, para tratar o diabetes, mudanças no estilo de vida e cirurgia laparoscópica.

Úlceras estomacais

A dor de estômago no lado esquerdo do abdômen caracteriza lesões comumente chamadas de úlceras pépticas. O U.S. National Library of Medicine afirma que as úlceras, que são feridas no revestimento do estômago ou na parte superior do intestino delgado, causam uma sensação de queimação que aparece e desaparece no decorrer de alguns dias ou semanas. A dor se intensifica quando o indivíduo está com o estômago vazio e é aliviada depois que ele se alimenta. Os sintomas dessa condição podem ser melhorados, eliminando alimentos picantes da alimentação, evitando o uso de aspirina e ibuprofeno, eliminando o cigarro e o álcool e reduzindo o estresse. Os tratamentos incluem medicamentos que bloqueiam o ácido, antibióticos e cirurgia se as lesões não cicatrizam.

Apendicite

A apendicite causa muita dor de estômago no lado direito inferior, devido às inflamações e infecções do apêndice, uma bolsa na forma de um dedo ligada ao intestino grosso. O Digestive Diseases Information Clearinghouse afirma que os médicos não conhecem as funções do apêndice. Trauma e obstruções abdominais causam essa condição, sendo a cirurgia a única opção de tratamento para ela.

Linfadenopatia mesentérica

A linfadenopatia mesentérica causa dor de estômago na porção direita inferior em crianças após resfriados ou dores de garganta. O Royal College of Surgeons of England afirma que as glândulas do pescoço aumentam de tamanho e pólipos se desenvolvem no cólon e no reto. Os médicos, muitas vezes, confundem essa condição característica da infância com apendicite. A linfadenopatia mesentérica geralmente não precisa de tratamento, entretanto, os médicos prescrevem antibióticos para tratar os casos graves da doença.

Colica biliar

O Penn State Milton H. Hershey Medical Center afirma que a cólica biliar provoca dores na parte superior direita do estômago, geralmente após uma refeição rica em gordura. Essa dor abdominal ocorre devido à formação de cálculos na vesícula e nos dutos biliares. As pessoas com sobrepeso e com colesterol alto, muitas vezes, sofrem dessa condição. A dor pode durar por até três horas e, de acordo com o Hershey Medical Center, ela às vezes irradia para os braços e as costas. Os médicos tratam essa condição com analgésicos e medicamentos ou procedimentos para dissolver os cálculos biliares. As recomendações de mudança no estilo de vida incluem a perda e manutenção do peso e a adoção de dietas de baixo teor de gordura.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível