Dores nas articulações relacionadas ao estresse

Escrito por maegan cleckley | Traduzido por erika f curto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Dores nas articulações relacionadas ao estresse
Entenda as causas de algumas dores causadas pelo estresse e como combatê-las (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Milhões de pessoas sofrem de diversos problemas de saúde e doenças relacionadas ao estresse. De acordo com o Center for Cognitive Therapy, o estresse é um dos fatores comportamentais mais comuns que convivem com efeitos físicos, causando e perpetuando a dor. Além de agravar as condições pré-existentes de saúde, o estresse contribui para a dor de cabeça, dores no corpo e articulações e dores musculares.

Outras pessoas estão lendo

Causas

O sistema nervoso do corpo responde ao estresse constringindo as veias sanguíneas, reduzindo o fluxo de sangue e oxigênio para os músculos, ligamentos e tendões. Isso resulta em tensão muscular, dores nas articulações e rigidez, o que pode se tornar condições crônicas após um longo período de tempo.

Aumento da dor por estresse crônico

A sensação de dor em si é uma causa de estresse. Portanto, alguém que já esteja sentindo a dor, colocará pressão extra sobre seu corpo. Caso isso não seja resolvido, o estresse adicional pode perpetuar um ciclo de dor induzida pelo estresse.

Efeitos físicos do estresse

Além da dor nas articulações e muscular, o estresse pode levar a outras doenças e condições de saúde. O estresse e hormônios de estresse afetam diretamente o sistema nervoso do corpo e a resistência do sistema imunológico, o que contribui para condições mais graves de saúde, como doença cardiovascular, acidente vascular cerebral, diabetes e úlceras estomacais.

Aviso

Não presuma automaticamente que as dores e sofrimentos do corpo são causados por estresse. Consulte um médico antes para descartar uma condição de saúde mais grave.

Redução de estresse

A boa notícia é que é relativamente fácil reduzir o estresse relacionado a dores das articulações e musculares com um pouco de esforço. Ele pode ser reduzido significativamente seguindo algumas orientações: ter uma alimentação saudável e fazer exercícios físicos. Pratique técnicas de relaxamento, como meditação e ioga. Durma bastante para permitir que seu corpo se reabasteça. Mantenha-se conectado à sua rede social; isso irá ajudá-lo a sentir-se positivo e otimista.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível