Drogas que causam mal funcionamento dos rins

Escrito por dominique brooks | Traduzido por julio vizo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Drogas que causam mal funcionamento dos rins
Quando os rins perdem a capacidade de filtrar o sangue do seu corpo, você sofrerá de insuficiência renal (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Quando os rins perdem a capacidade de filtrar o sangue do seu corpo, você sofrerá de insuficiência renal. Isto pode acontecer de forma rápida (chamada de insuficiência renal aguda) ou gradualmente ao longo do tempo (insuficiência renal crônica). Alguns medicamentos e drogas podem causar a insuficiência renal aguda, tais como anti-inflamatórios não esteroides, alguns medicamentos usados ​​para tratar a pressão arterial elevada e tipos específicos de antibióticos. Em alguns pacientes, o contraste utilizado em procedimentos radiográficos também pode causar o problema. Embora estas substâncias sejam muito úteis e seguras e não causem insuficiência renal na maioria das pessoas que as utilizam, outras pessoas podem estar em maior risco.

Outras pessoas estão lendo

Anti-inflamatórios não esteroides (AINEs)

Os AINEs interferem na produção de prostaglandina, uma substância que permite a chegada de sangue suficiente aos rins; menos prostaglandina significa menos fluxo sanguíneo. Esta falta de sangue pode fazer com que os rins parem de funcionar de forma eficaz. Pacientes que estejam tomando altas doses de AINEs, que já tenham algum problema renal ou idosos, estão correndo maior risco de insuficiência renal causada por estes medicamentos. Pessoas que tomam medicamentos diuréticos também podem estar em risco. Estes indivíduos devem discutir o assunto com um médico.

Inibidores da ECA e bloqueadores dos receptores da angiotensina II

Inibidores da ECA e bloqueadores dos receptores da angiotensina II (BRA) são classes de medicamentos frequentemente utilizados para tratar a pressão arterial elevada. Ambos realmente trazem benefícios para pessoas com doença renal crônica, no entanto, eles devem ser iniciados em doses baixas, com exames de sangue frequentes para monitorar a função renal. Uma leve redução na função do rim é esperada quando um desses agentes é introduzido no organismo pela primeira vez, mas, se a redução for maior do que 30 por cento do padrão, o agente deve ser interrompido e administrado a uma dose mais baixa, se reiniciado. Para evitar ainda mais o risco de insuficiência renal, os pacientes que estejam tomando inibidores da ECA e BRA devem evitar medicamentos AINEs e a desidratação.

Os antibióticos aminoglicosídeos

Os antibióticos aminoglicosídeos são úteis no tratamento de infecções bacterianas específicas, mas em 10 a 20 por cento dos pacientes, estes agentes podem provocar insuficiência renal. Os pacientes que estão em maior risco para o problema após o uso deste medicamento são as pessoas que receberam uma dose grande ou tiveram que ser tratadas por um longo tempo, ainda correm riscos os pacientes que estejam tomando outros medicamentos que possam causar problemas renais e pacientes que estão muito doentes. Problemas nos rins são geralmente percebidos dentro de sete dias após o início do tratamento.

Meio de contraste

Os pacientes que têm outros problemas de saúde como diabetes combinada com doença renal podem estar em maior risco, depois de um procedimento radiológico que utiliza meio de contraste. Os pacientes que recebem grandes quantidades de contraste, ou que sofrem de desidratação, também podem desenvolver insuficiência renal após este procedimento. Tal como acontece com outros medicamentos e com agentes que podem provocar insuficiência renal, existe muitas vezes uma diminuição inicial da função do rim que se estabiliza ao longo de alguns dias, mas em doentes com fatores de risco anteriores, isto pode não acontecer. A ingestão adequada de líquidos e uso de novos tipos de agentes de contraste pode reduzir este risco.

Outras drogas

Em pacientes que estão em alto risco de problemas renais, diversos outros medicamentos podem causar problemas. Diuréticos, tomados isoladamente, que podem causar a desidratação podem levar à insuficiência renal. Antibióticos, medicamentos antivirais específicos e antifúngicos como anfotericina B podem causar problemas renais e podem precisar ser interrompidos. É importante alertar o médico sobre todos os medicamentos que estiver tomando porque uma combinação de drogas ou de procedimentos pode causar problemas. O médico irá monitorar a função renal de perto ao prescrever qualquer um destes tratamentos para minimizar os riscos de insuficiência da função dos rins.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível