O efeito do alto teor de enxofre na água da torneira

Escrito por laura bramble | Traduzido por ana rodrigues
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O efeito do alto teor de enxofre na água da torneira
Quase toda a água da torneira contém uma certa quantidade de enxofre (Meet at the well image by Rebs O from Fotolia.com)

Se você abre a torneira em sua casa e a água que sai cheira a ovos podres, é uma aposta segura de que você tem uma alta contagem de enxofre em sua água. O enxofre é um mineral que existe naturalmente nas águas subterrâneas, desde a chuva e infiltrações de água de superfície através das rochas na Terra até minerais presentes nas rochas. É um dos minerais que é medido durante um teste de qualidade da água.

Outras pessoas estão lendo

História

O enxofre é um contaminante não regulado. Não há níveis máximos oficiais de segurança mínima. A Environmental Protection Agency tem um padrão da quantidade de enxofre para a água de 250 mg por litro (mg/L), mas isso é essencialmente o correto, pois concentrações mais elevadas do que isso causarão alterações no odor e paladar. Embora as pessoas e os animais se ajustem ao gosto e ao cheiro de água com alto teor de enxofre, ela afeta o sabor de qualquer alimento e as bebidas preparadas com ela.

Efeitos

Não parece haver qualquer risco para a saúde a longo prazo associado com alto teor de enxofre na água para adultos. A maioria das pessoas experimentam diarreia, desidratação e outros problemas gastrointestinais quando consomem essa água, mas os efeitos se desgastam com o tempo. Bebês e crianças pequenas são mais afetados pela diarreia do que os adultos, mas mesmo para eles, os efeitos não são importantes. A Food and Nutrition Board também observou uma associação entre o alto teor de enxofre e o risco de colite ulcerativa, mas afirmou que a relação não foi avaliada o suficiente para merecer um limite de ingestão.

Significado

A água com concentrações acima de 250 mg/L é considerada pela EPA (US Environmental Protection Agency) a ter altos níveis de enxofre. A maioria das fontes de água pública têm concentrações inferiores a 500 mg/L, embora algumas concentrações mais elevadas tenham sido encontradas em comunidades próximas às minas, devido à mina de escoamento afetar o seu abastecimento. Em casos como este, muitas pessoas mudam para a água engarrafada ou filtrada devido ao paladar. No entanto, mesmo nos casos em que os níveis de enxofre são superiores a 1.000 mg/L, as pessoas têm sido capazes de se adaptar.

Considerações

O alto teor de enxofre em água tem um efeito corrosivo sobre tubos de metal, como aqueles feitos de cobre, aço e ferro, e podem danificar aquecedores de água. O acúmulo da escala do enxofre pode entupir tubulações e afetar o fluxo de água, eventualmente exigindo a substituição da tubulação. Em casos como este, o tubo de plástico pode ser uma solução melhor. O enxofre também provoca uma gosma preta que se forma dentro de aquecedores de água e sistemas de amolecimento de água, que mancha pias, banheiras, lavadoras de roupas de amarelo ou preto. As bactérias atraídas pelo enxofre fazem dele sua moradia, alojando-se na água com alto teor de enxofre.

Prevenção/solução

A melhor maneira de combater o alto teor de enxofre é com um sistema de filtragem de água como osmose reversa ou troca iônica. Esses sistemas removem o enxofre da água e, embora sejam eficazes, são lentos e podem desperdiçar água. A menos que a concentração seja tão alta a ponto de provocar um cheiro desagradável, a maioria das pessoas optam por usar água engarrafada para beber e cozinhar, e usar a água de enxofre para a lavagem e uso doméstico, caso a usem.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível