O efeito de uma aspirina diária no declínio da função renal

Escrito por sarah densmore | Traduzido por marcelo couto
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O efeito de uma aspirina diária no declínio da função renal
Tomar muita aspirina pode danificar seus rins (Image by Flickr.com, courtesy of hobvias sudoneighm)

Tomar regularmente altas doses de aspirina ou de qualquer outro analgésico como paracetamol, ibuprofeno ou naproxeno sódico pode agravar o declínio da função dos rins que já estão comprometidos. De acordo com a National Kidney Foundation, tomar muitas aspirinas todos os dias pode colocar você em risco de desenvolver problemas no rins futuramente caso seus rins sejam normais.

Outras pessoas estão lendo

Perigo

Os analgésicos como a aspirina reduzem o fluxo de sangue dos rins. Se os rins não estiverem filtrando adequadamente, o declínio no fluxo de sangue pode levar à insuficiência renal aguda.

Insuficiência renal aguda

Se seus rins falharem subitamente devido ao uso de analgésicos, será necessário submeter-se a uma diálise de emergência. Muitas vezes, os rins voltam a funcionar após a diálise e se você parar de tomar analgésicos.

Doença renal crônica

Essa condição pode ocorrer se você tomar aspirinas diariamente por muitos anos. Se você tiver insuficiência renal crônica, seus rins irão parar de funcionar lentamente e você precisará de diálises regularmente ou de um transplante de rins.

Opções

Se você tiver declínio na função renal, pode-se tomar o paracetamol ocasionalmente. Entretanto, tenha cuidado para tomar somente a dosagem recomendada.

Considerações

Se estiver preocupado que o seu consumo de aspirina tenha danificado os rins, peça ao seu médico um exame de sangue para verificar a função renal.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível