Os efeitos do álcool no cabelo

Escrito por lisa evans | Traduzido por tradutor em demand media studios
Os efeitos do álcool no cabelo
O álcool tem efeitos danosos sobre o seu cabelo (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Muitos produtos capilares contêm álcool. Ele é adicionado para proporcionar a espessura do produto e protegê-lo de bactérias, tais como micróbios. O álcool também age como um conservante, ajudando os produtos a durarem mais tempo nas prateleiras das lojas. Embora o álcool tenha algumas vantagens, também causa danos ao cabelo, fazendo com que pareça ressecado, escamoso, sem brilho e sem vida.

Muitas razões pelas quais os fabricantes adicionam álcool

Uma maior vida útil é uma entre as muitas razões pelas quais os fabricantes adicionam álcool aos produtos capilares. O álcool é usado como um conservante, porque evapora rapidamente. O problema é que, quando evapora, ele leva um pouco da umidade do seu cabelo com ele. O álcool também é adicionado para engrossar produtos capilares, evitar a formação de espuma e protegê-los de micróbios. Os tipos de álcoois utilizados em produtos capilares diferem dos álcoois de grãos feitos pela fermentação de amido, açúcar e outros hidratos de carbono. Os álcoois têm muitos usos cosméticos, mas quando utilizados em excesso, causam danos na sua aparência.

Álcoois de cadeia curta

Os álcoois de cadeia curta incluem etanol, propilo e álcool isopropílico. O etanol é normalmente encontrado em sprays de cabelo. Devido ao baixo peso molecular, estes álcoois evaporam rapidamente e são utilizados em produtos capilares para diminuir o tempo que leva para o cabelo secar. Você tem aproximadamente 100.000 fios de cabelo em sua cabeça. Cada fio é protegido por uma cutícula, ou camada exterior, que protege as camadas interiores. Quando a cutícula fica ressecada, faz com que as fibras de cabelo internas se desgastem, fazendo seu cabelo parecer seco e crespo.

Álcoois graxos

Nem todos os álcoois são ruins para o seu cabelo. Os álcoois graxos ou álcoois de cadeia longa, tais como o álcool cetílico e estearílico, na verdade, ajudam a hidratar o cabelo. Estes álcoois são originários a partir de fontes naturais e contêm um elevado teor de carbono, ou seja, estas moléculas são mais oleosas ou gordurosas. Os álcoois graxos são adicionados como um hidratante em produtos para o cabelo. O cabelo parece mais suave e mais leve porque as cutículas estão sobrecarregadas. Se usados em excesso, estes álcoois graxos combinam com o sebo natural, sobre o couro cabeludo, causando a formação de uma substância pegajosa que faz com que o cabelo pareça gorduroso.

Produtos livres de álcool

Alguns produtos para o cabelo não contêm álcool, informado "sem álcool" no rótulo. Se tiver dúvidas, leia os ingredientes.

Dê um descanso ao seu cabelo

Não importa quais produtos estejam sendo utilizados, dê ao seu cabelo a chance de respirar. Evite lavar o cabelo alguns dias por semana. Isso ajuda a mantê-lo brilhante e hidratado. Quando o cabelo estiver molhado, ele está expandido, tornando-se mais vulnerável ​​a danos nas cutículas e quebra. Se você precisa lavar o cabelo todos os dias, tente usar um xampu suave. Se você tem cabelos crespos ou ressecados, evite lavar o cabelo todos os dias, já que a lavagem faz com que ele pareça ainda mais seco.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível