×
Loading ...

Os efeitos colaterais do agnus castus

Atualizado em 19 julho, 2017

O agnus castus vem de muitos nomes, incluindo baga da árvore pura, pimenta do monge e vitex. Ele vem sendo usado há centenas de anos como um remédio natural para problemas femininos e como supressor da libido nos homens. Homer menciona a planta como um símbolo da castidade em "A Ilíada", e os monges mastigam tradicionalmente as bagas para ajudar em seu voto de celibato.

Embora seja um tratamento à base de ervas completamente natural, o vitex pode apresentar fortes efeitos colaterais. Ele é uma fonte vegetal potente de hormônios sexuais e pode, de forma eficaz, aumentar os níveis de progesterona na mulher e diminuir os níveis de testosterona nos homens.

O agnus castus apresenta propriedades que ajudam nos problemas femininos, como a TPM (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

Benefícios

O agnus castus pode reduzir os sintomas da menopausa, principalmente os fogachos de calor. Ele pode ajudar a moderar os períodos difíceis e prolongar os ciclos curtos, além de limparem a acne tanto em homens quanto em mulheres. Os médicos usam-no para tratar a endometriose e para estimular a fertilidade feminina. O agnus castus tem também um efeito analgésico, aliviando a dor de cãibras musculares e dores de cabeça.

Loading...

Efeitos colaterais masculinos

O agnus castus é um supressor dos hormônios sexuais masculinos, e é conhecido como anafrodisíaco, reduzindo o desejo sexual. Ele evita a produção de esperma e pode afetar os testículos, causando infertilidade temporária ou permanente. Estudos em animais mostram que o agnus castus pode atrofiar os testículos.

O Instituto Nacional de Saúde dos EUA descobriu que o vitex pode tratar o câncer de próstata, e a erva também trata a prostatite, uma inflamação dessa glândula.

Efeitos colaterais femininos

O agnus castus pode provocar fluxos de menstruação mais longos e intensos. Ele pode ainda aumentar a fertilidade, fazendo até com que os ovários liberem mais que um óvulo. Esse efeito pode provocar o nascimento de gêmeos ou outros múltiplos. A erva é capaz de afetar as medicações hormonais, incluindo as pílulas anticoncepcionais e a terapia de reposição de estrógeno.

O agnus castus é geralmente usado na tentativa de aumentar a oferta de leite, mas, na verdade, ele reduz a prolactina, o hormônio de amamentação necessário para a produção de leite. Ele pode ser excretado no leite da mama e apresentar efeito hormonal nos bebês que o ingerem.

Outros efeitos colaterais

O agnus castus pode interferir em certos medicamentos, incluindo o L-dopa, usado para tratar a doença de Parkinson, o haloperidol (Haldol) e Zyban. Como o vitex é tomado internamente, ele pode provocar desconforto estomacal. Problemas na pele, como sensações de coceira ou feridas, têm sido relatados por mulheres, e isso pode provocar erupções cutâneas. Algumas pessoas podem ter reação alérgica ao agnus castus.

Alertas

Gestantes e mulheres em amamentação não devem usar o agnus castus. As mulheres com cânceres sensíveis a hormônios, incluindo o de mama e o cervical, devem evitá-lo. Aquelas com deficiência em ferro (anemia) e homens que estão tentando se tornar pais também devem evitá-lo.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...