Efeitos negativos de garrafas plásticas para o ambiente

Escrito por deyanda flint | Traduzido por luiz afonso de oliveira moura santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Efeitos negativos de garrafas plásticas para o ambiente
Aprenda sobre os efeitos negativos das garrafas plásticas (Jeffrey Hamilton/Photodisc/Getty Images)

Garrafas plásticas são usadas para armazenar diferentes substâncias para o consumo e produtos de limpeza. Na maioria dos casos, as pessoas reutilizam as garrafas algumas vezes, procedimento que é seguro se a garrafa for lavada cuidadosamente com água quente e sabão. Devido aos compostos químicos utilizados na fabricação de garrafas, o seu uso e descarte impróprios podem causar efeitos negativos. Reutilizar garrafas plásticas pode parecer seguro, mas afeta o ambiente e desperdiça muitos de nossos recursos energéticos.

Outras pessoas estão lendo

Substâncias tóxicas perigosas

Garrafas plásticas transparentes que contém água possuem químicos que podem contaminar as bebidas e comidas armazenadas. Um exemplo de tais produtos é o Bisfenol A (BPA). De acordo com um estudo da Science Daily em 2008, o BPA é um químico artificial que pode afetar os sistemas de comunicação natural dos hormônios do corpo quando ingerido. O desgaste das garrafas devido ao uso repetido e lavagens constantes aumentam a chance desses produtos escaparem por minúsculas rachaduras formadas com o tempo. Esses produtos tóxicos podem continuar vazando mesmo se a garrafa ja foi jogada fora ou no chão.

Danos ao solo e água

Já que a maioria das garrafas plásticas acaba em aterros, elas terminarão enterradas no solo. O solo pode ser contaminado ao longo do tempo com essas substâncias tóxicas. Se o solo for afetado, as plantas podem não crescer facilmente e as águas subterrâneas podem também ser contaminadas caso os químicos infiltrem profundamente no solo. Garrafas plásticas podem ser reaproveitadas por companhias de reciclagem, no entanto, milhões delas ainda são jogadas fora no fim das contas.

Desperdício de recursos energéticos limitados

Estudos conduzidos pelo Australasian Bottled Water Institute mostraram que a produção de plásticos, especialmente os usados nessas garrafas de água, consome uma grande quantidade de recursos e energia. A exigência de energia para a produção dessas garrafas pode drenar os nossos recursos de combustíveis fósseis. Muitas garrafas contendo água são despachadas com grandes custos para outros países e então refrigeradas antes de serem vendidas. Isso pode ser considerado com um desperdício de recursos energéticos limitados.

Aquecimento global

Indústrias de manufaturas podem emitir substâncias tóxicas e outros poluentes que causam poluição do ar. Esses poluentes também contribuem para o aquecimento global. Quando as garrafas são incineradas, produtos tóxicos podem ser soltos no ar, entre eles carcinógenos sintéticos que são perigosos para as pessoas e para o ambiente. Para prevenir danos futuros ao ambiente, as indústrias constantemente melhoram suas garrafas para torná-las livres de BPA. A qualidade das garrafas está sendo melhorada para eliminar a lixiviação. Mais pesquisas, entretanto, são necessárias para minimizar os efeitos dessas garrafas no ambiente.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível