Efeitos positivos e negativos do desenvolvimento urbano

Escrito por nikolay danev | Traduzido por césar campos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Efeitos positivos e negativos do desenvolvimento urbano
O desenvolvimento urbano traz vantagens, mas os problemas persistem (China Photos/Getty Images News/Getty Images)

Os processos de desenvolvimento urbano têm efeitos negativos e positivos nas cidades. As pessoas que migram para as áreas urbanas podem aproveitar uma infra-estrutura melhor e diversos benefícios sociais. O processo de construção de uma "comunidade" dentro das áreas urbanizadas parece ser bastante difícil, além da falta de atendimento às necessidades básicas de determinadas classes sociais.

Outras pessoas estão lendo

Infraestrutura

Os migrantes que vão para as áreas urbanas se beneficiam principalmente da infraestrutura das cidades. Por exemplo, eles têm acesso a aeroportos, estações ferroviárias e rodoviárias, além de instalações públicas como hospitais, bibliotecas e escolas. Portanto, o desenvolvimento urbano proporciona uma melhor infraestrutura, o que é sua principal característica positiva.

Vantagens públicas

O processo de desenvolvimento urbano tem sido favorável para o estabelecimento dos serviços públicos nas zonas urbanas. Indivíduos que vivem em grandes cidades desfrutam, por exemplo, de serviços adequados de saúde e segurança, procedimentos de consultoria avançada ao cidadão e orientação adequada.

Construa uma "comunidade"

Apesar dos benefícios do desenvolvimento urbano, problemas de desigualdade entre os grupos sociais continuarão a existir. Muitas vezes, referida como um processo de construção de uma "comunidade", a união de diferentes classes sociais é rara de se observar. Por exemplo, nas vizinhanças de rendimento misto, a distinção entre pessoas de rendas diferentes é óbvia. Isto cria uma base para a discriminação, dependendo do nível social das pessoas.

Resposta às necessidades

O desenvolvimento urbano contínuo atrai um número crescente de migrantes. Muitos não podem alcançar suas expectativas porque faltam oportunidades de emprego e a superpopulação excede totalmente as oportunidades criadas pelas economias urbanas. Um exemplo disso é São Paulo, que se tornou um destino de migração nos final do Século XX. No entanto, o número de migrantes na cidade excedeu as oportunidades de emprego disponíveis na área urbana e muitos recém-chegados permaneceram desempregados e em situação de pobreza.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível