×
Loading ...

Os efeitos dos raios e trovões nos humanos e na natureza

Atualizado em 17 abril, 2017

Raios e trovões ocorrem como fenômenos naturais desde o início dos tempos. Desde então, os cientistas vêm tentando entender como andam lado a lado, bem como seus efeitos nas pessoas e na natureza. Um entendimento melhor desses fenômenos tem levado a uma proteção melhor contra seus possíveis efeitos destrutivos.

Não saia de casa durante uma tempestade de raios (Comstock/Comstock/Getty Images)

Efeitos dos raios nas pessoas

Ao mesmo tempo em que um choque industrial tem uma potência de 20 a 63 kilovolts, um raio descarrega 300 kilovolts, de acordo com o site NASA Science. As correntes elétricas dos raios têm uma duração menor do que os choques industriais, com uma média de alguns milissegundos por raio. Quando uma pessoa fica exposta, ocorre uma centelha externa por onde a corrente elétrica passa sobre a superfície do corpo. Isso pode causar queimaduras, principalmente nas partes superior e inferior do corpo, especificamente na cabeça, nos ombros e no pescoço. A pessoa também pode se ferir quando o raio a faz cair ou quando é arremessada pelo ar. As mortes instantâneas são geralmente atribuídas à parada cardíaca ou cardiopulmonar. Mais de 9000 pessoas já morreram por causa de raios entre 1940 e 2003, de acordo com Michael Largo, autor de "Final Exits: The Illustrated History of How We Die."

Loading...

Os raios na natureza

O raio tem uma carga elétrica positiva, deslocando-se entre a base de uma nuvem de tempestade e o ponto de contato na terra em cerca de 30 segundos. O processo de atração de um raio a objetos específicos ainda não é totalmente compreendido pelos cientistas, embora sabe-se que costumam cair em estruturas altas e isoladas, como torres de rádio, postes telefônicos e árvores, com muito mais frequência do que em campo aberto.

Trovão: Efeitos sonoros

O trovão ocorre como um efeito acústico da alta temperatura e pressão durante uma tempestade de raios. A grande alteração na pressão afeta os ouvidos humanos e, dessa forma, ouvimos o trovão. A pressão mais alta em uma tempestade acontece a alguns centímetros de distância da origem de um raio, causando um ruído estrondoso.

Trovão: Efeito mecânico

A pressão que resulta no trovão não tem efeitos acústicos, mas sim mecânicos. A alta pressão desses raios pode causar danos, principalmente em objetos metálicos, podendo ser até mais destrutiva quando o raio atinge uma área pequena e fechada, como uma rachadura em uma parede ou um capilar em uma árvore. Quando a pressão fica alta o bastante e passa pelo capilar, a árvore pode explodir.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...