Mais
×

Como fazer uma égua que está amamentando ganhar peso

Atualizado em 25 maio, 2017

Uma égua sofre uma grande pressão ao amamentar seu potro, seu corpo necessita de proteína e energia extra para permanecer saudável, pois ela deve fornecer nutrientes para o filhote. Além disso, muitas éguas reprodutoras ficam gestantes novamente dentro de uma ou duas semanas após dar à luz. Sem a alimentação e suplementos adequados, ela perde o peso e a condição corporal necessários para o bem-estar do seu filhote e dela mesma. Providenciar feno, grãos e minerais adequados à fêmea que está amamentando mantém os dois animais felizes e saudáveis.

Instruções

As éguas que estão amamentando precisam de grama suplementada com feno e grãos (appaloosa mare and colt image by Lee O'Dell from Fotolia.com)
  1. Alimente a égua com aproximadamente 6 kg de feno rico em proteínas diariamente. O feno de legume ou capim com mistura de leguminosas fornece os 12% de proteína necessária por uma égua em lactação. Atribua aproximadamente 2,5 kg para a manhã e a noite e mais 2 kg à alimentação do meio-dia.

  2. Faça uma mistura de 5 kg de grãos com aproximadamente 60% aveia, 30% de milho inteiro, 5% de farelo de soja, 5% de farelo de trigo, um bocado de melaço, uma colher de sopa de sal comum e uma colher de sopa de fosfato bicálcico diariamente. Alimente a égua com 2 kg de manhã, 1 kg ao meio-dia e mais 2 kg à noite.

  3. Permita que o acesso à água seja sempre livre.

  4. Substitua o feno de legume da égua por um de feno de capim total depois dela ter amamentado por três meses. Lentamente, adicione o novo feno durante um período de 10 a 14 dias, à medida que remove a mesma quantidade do antigo. Essa substituição reduz seus níveis de proteína conforme sua produção de leite diminui, evitando que ela fique obesa.

  5. Reduza a quantidade de mistura de grãos da fêmea após três meses, diminuindo lentamente a quantidade durante um período de 10 dias a duas semanas. Uma égua que está amamentando saudável exige apenas 1 kg a 2 kg de grãos por dia durante o desmame.

  6. Continue adicionando o suplemento de fosfato bicálcico à dieta até que o potro esteja totalmente desmamado, recomenda a fisiologista reprodutiva M. C. G. Davies Morel no livro "Equine Reproductive Physiology, Breeding and Stud Management".

Dicas

  • Completar a alimentação da sua égua lactante com fosfato bicálcico promove os minerais (cálcio e fósforo) necessários para ajudar na produção de leite saudável, diz Melvin Bradley e W. H. Pfander do Departamento de Ciências Animais da Universidade de Missouri, nos EUA.
  • Você terá que ajustar a quantidade de feno e cereais que oferece à égua dependendo do seu peso. De acordo com a Universidade de Minnesota, EUA, as éguas em período de amamentação exigem de 2,2% do seu peso em alimentação diária com uma razão de 55:45% de grãos de feno. Uma fêmea de 500 kg precisa de 6kg de feno e 5 kg de grãos para manter-se saudável.

Aviso

  • Preste atenção aos sinais de cólica ao mudar lentamente a dieta da égua. Esses sintomas incluem a falta de vontade súbita de comer, laminação contínua, chutar ou arranhar a barriga, febre alta, poucos ou nenhum som do intestino e gengivas pálidas e viscosas. A cólica requer atenção veterinária imediata e pode ser fatal.

O que você precisa

  • Feno de legume
  • Aveia
  • Milho inteiro
  • Farelo de trigo
  • Melaço
  • Sal comum
  • Fosfato bicálcico
  • Feno de capim
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article