Mais
×

Como encontrar a área da seção transversal de um tubo

Atualizado em 23 março, 2017

A área da seção transversal de um tubo possui inúmeras aplicações em dinâmica dos fluidos, permitindo que se calcule o fluxo que passa pelo mesmo ou a perda de sua carga. A medida se relaciona diretamente ao diâmetro do tubo. O fator que relaciona o diâmetro dele e sua área é pi, que também é a relação entre o diâmetro e a circunferência do mesmo. Se você dividir um circulo em um grande número de cunhas, elas podem formar quadriláteros cuja largura é o raio do circulo e o comprimento é a metade da circunferência.

Instruções

Tubos mais largos possuem maiores áreas transversais (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)
  1. Divida o diâmetro do tubo por 2 para encontrar seu raio. Se ele mede, por exemplo, 8 cm em largura, então 8/2 = 4 cm.

  2. Eleve o valor ao quadrado: 4² = 16 cm².

  3. Multiplique o resultado por pi, que é aproximadamente 3,142: 16 x 3,142 = 50,27 cm². Esta é a área transversal do tubo.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article