Como engravidar se o seu parceiro fez vasectomia

Escrito por andrea townsley | Traduzido por luana santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como engravidar se o seu parceiro fez vasectomia
Embora seja difícil, é possível engravidar depois que seu parceiro fez uma vasectomia (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

As circunstâncias mudam ao longo da vida, portanto,um homem que já fez vasectomia para evitar de engravidar uma mulher pode mudar de ideia e querer conceber uma criança. Esta é uma decisão importante. Ficar grávida depois que seu parceiro teve uma vasectomia pode ser uma jornada difícil, mas pode ser feito com algum tempo e despesa.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Determine o tipo de vasectomia do seu parceiro. Normalmente, os canais deferentes são grampeados, amarrados, ou cauterizados. Em raras ocasiões, os pequenos tubos que são estes vasos vão voltar a se juntar, permitindo que a gravidez ocorra. Se este for o caso, isso irá ocorrer dentro de alguns meses do procedimento -- sem outra ajuda necessária.

  2. 2

    Converse com o médico que realizou a vasectomia. Existem métodos cirúrgicos para reparar os vasos deferentes e torná-los funcionais novamente (ou seja, reversão de vasectomia). De acordo com a Planned Parenthood, os fatores incluem o tempo que passou desde que o procedimento foi realizado, o método usado e se os anticorpos contra o esperma se desenvolveram.

  3. 3

    Considere um doador de esperma, se a reversão não for uma opção. Isso exige uma inseminação intra-uterina, em que o esperma do dador é lavado e injetado do colo do útero para o útero, ou fertilização in vitro, em que um ovo é removido da mulher e é fertilizado em uma placa de Petri com o esperma do doador. O esperma pode vir de um doador conhecido ou uma fonte anônima de um banco de esperma.

  4. 4

    Agende uma consulta com um endocrinologista reprodutivo ou urologista. Se não quiser usar esperma de um doador, e o seu parceiro é incapaz de ter uma reversão de vasectomia, ainda existem opções para utilizar o esperma dele. Uma vez que a vasectomia não afeta a produção, ainda há espermas disponíveis nos testículos ou epidídimo. Estes podem ser removidos e utilizados para fertilização in vitro.

Dicas & Advertências

  • Alguns homens optam por armazenar o esperma em um banco de esperma, antes de fazer uma vasectomia. Se esta for uma opção, você provavelmente vai precisar se submeter a fertilização in vitro para conseguir engravidar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível