Como escolher serras de esquadria

Escrito por josh baum | Traduzido por andré luiz rosa teixeira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como escolher serras de esquadria
Escolha conscientemente (Comstock/Stockbyte/Getty Images)

A serra de esquadria é um item muito importante da coleção de ferramentas elétricas de qualquer marceneiro. A maioria das serras de esquadria são rápidas, poderosas e relativamente fáceis de usar, e são definitivamente as melhores ferramentas para cortes que exigem maior precisão, como por exemplo quando se deve cortar dois pedaços de madeira para que eles se encaixem em uma junta apertada. Mas há diferentes tipos de serras de esquadria e vários recursos que variam de uma serra para o outra, por isso, vale a pena fazer a lição de casa antes de comprar e escolher.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Instruções

    Escolha o tipo

  1. 1

    Considere a complexidade dos projetos de carpintaria que você pretende exercer com a sua máquina. Se você só pretende fazer os trabalhos menores e mais simples, uma serra de esquadria normal pode ser suficiente. Não há nenhum nome especial para este tipo de serra, mas ela é distinguível das demais pois não é chamada de serra de esquadria de correr ou composta. Uma mitra simples apenas se move para direita e para esquerda.

  2. 2

    Considere se você vai ou não precisar fazer muitos cortes chanfrados, que são cortes angulares em dois eixos distintos. Um bom exemplo de um corte chanfrado é o necessário para juntar duas peças de sancas em um canto. Embora esses cortes possam ser alcançados utilizando uma serra de esquadria comum, o trabalho demandaria vários cortes distintos e mais complicados. Uma serra de esquadria composta, por outro lado, pode lidar com estes tipos de cortes com um único movimento. Serras de esquadria compostas se movem tanto da esquerda para a direita, quanto para cima e para baixo.

  3. 3

    Considere o tamanho das placas com as quais planeja trabalhar. Caso planeje trabalhar com placas de 30 cm ou mais, uma serra de correr pode ser mais adequada. Uma serra de esquadria de correr é exatamente igual a uma serra composta, mas o conjunto de lâmina é instalado em uma calha de deslizamento de modo que pode ser usada para cortar placas mais largas, mantendo um ângulo específico.

    Escolha as características certas

  1. 1

    Procure serras de esquadria que acomodem os tamanhos de lâmina que você precisa. A maioria das serras de esquadria acomodam lâminas de 25 cm, mas algumas maquinas ajustam lâminas menores ou maiores. Em geral, as lâminas maiores permitem corte de tábuas maiores.

  2. 2

    Pense na importância de trabalhar rapidamente. Se você espera fazer muitos cortes com o menor tempo de inatividade possível, há algumas características importantes a se considerar. Serras de esquadria com freios elétricos podem desacelerar e parar a lâmina em apenas alguns segundos, permitindo-lhe mover-se mais rapidamente para o próximo corte. Serras com fechaduras de eixo permitem lâminas de diferentes tipos e tamanhos serem trocadas mais rapidamente. Funções chamadas paradas positivas ou limitadores também podem acelerar o seu trabalho: são ângulos de corte predefinidos comuns que podem ser definidos em uma questão de segundos, ao contrário de ângulos personalizados que demoram alguns minutos para serem definidos.

  3. 3

    Pense sobre o local em que você pretende fazer o seu trabalho. Algumas serras de esquadria são projetadas para serem anexadas a bancadas de trabalho já existentes, outras vêm com mesas próprias e o restante são projetadas para caber em estandes de reposição, por isso certifique-se de verificar atentamente para a configuração de montagem da serra que pretende comprar. Além disso, se a limpeza do local de trabalho for importante, procure uma serra com um recurso de saco de pó. Esta bolsa vai coletar a maior parte da serragem gerada durante o corte.

  4. 4

    Pense sobre os tipos de madeira que você pretende cortar antes de comprar qualquer lâminas adicionais. Os três tipos de lâminas, listados em ordem crescente de custo e durabilidade são de aço, aço de alta velocidade e metal duro. Se você só vai cortar tipos de madeira mais suaves, lâminas de aço são suficientes. Mas para madeiras mais duras, as lâminas mais duráveis são mais adequadas.

  5. 5

    Tente antecipar a angulação máxima com a qual vai trabalhar, pois na maioria das serras a angulação máxima não ultrapassa os 45º. Se você precisar de uma maior amplitude, verifique as especificações de cada serra com cuidado antes de comprar para garantir que suas necessidades sejam atendidas.

  6. 6

    Procure por uma serra de esquadria com um protetor de lâmina transparente. A proteção da lâmina é um escudo de plástico que cobre a maior parte da lâmina possível, ajudando a evitar acidentes. Mas quando estiver cortando, um protetor de lâmina não transparente faz com que seja mais difícil ver onde a lâmina e a madeira se encontram. Fabricantes consideram essa necessidade, e a maioria das serras no mercado hoje têm guarda lâminas claros.

Dicas & Advertências

  • Leia sempre o manual de instruções que acompanha sua nova máquina e não se esqueça de seguir todas as instruções de segurança.
  • Use óculos de segurança sempre que operar uma serra de esquadria.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível