O que não fazer quando se tem escoliose

Escrito por cheri dohnal | Traduzido por evelyn lima
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que não fazer quando se tem escoliose
Algumas atividades físicas são mais cansativas ou até perigosas para pessoas com escoliose (Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Um diagnóstico de escoliose, uma curvatura para o lado na coluna, em geral não vem com uma lista de coisas que não se pode fazer. Algumas atividades, contudo, podem agravar os sintomas ou mesmo a curvatura em si e, portanto, devem ser evitadas.

Outras pessoas estão lendo

Todas as pessoas são diferentes

A gravidade e a rotação da sua curva espinhal pode afetar a aptidão de um paciente a participar de determinada atividade. Outras variáveis incluem a tolerância à dor e a determinação do paciente e, às vezes, até mesmo sua sorte.

Atividades físicas

Exercitar os músculos internos é sempre bom. Esportes organizados, por outro lado, podem ser dolorosos e causar dificuldades respiratórias em pacientes com escoliose.

Dificuldade para respirar

Qualquer atividade que exija boa capacidade pulmonar será mais difícil quanto maior for sua curvatura, uma vez que a rotação da espinha distorce a caixa torácica. Um pulmão pode ser comprometido pela pressão causada pelas costelas.

Esportes de contato

Devido à assimetria do corpo com escoliose, esportes de contato podem resultar em dor e até lesões por contatos aparentemente normais. Quanto mais acentuada a curva da coluna, maior a probabilidade de que os contatos sejam feitos em ângulos perigosos.

Exaustão

Uma pessoa com escoliose inconscientemente se equilibra apenas para caminhar e se abaixar. Assim, pacientes com curvaturas severas são propensos a se cansar rapidamente, já que atividades comuns do dia a dia exigem deles mais esforço que o normal.

Idade e circunstâncias

A idade, bem como alguns períodos específicos da vida, podem intensificar a escoliose, especialmente em mulheres. A gravidez ou mesmo um ganho moderado de peso podem ser fatores agravantes desta condição, devido ao peso adicional suportado pela coluna. A osteoporose pode ter efeitos parecidos, por provocar um enfraquecimento da espinha.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível