Escreva uma carta contra uma ordem de despejo por retenção de aluguel

Escrito por ehow contributor | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

É sempre uma boa ideia seguir o procedimento correto e reter o pagamento do aluguel quando o proprietário se recusa a cumprir suas obrigações contratuais e não faz os reparos necessários na propriedade. Entretanto, ele pode solicitar uma ordem de despejo contra você por falta de pagamento. Não se preocupe; reter o pagamento está dentro dos seus direitos e você pode mandar uma carta de defesa contra o despejo.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Coloque seu nome e endereço no canto superior direito da carta. Pule duas linhas e, do lado esquerdo, adicione o nome e endereço do proprietário do imóvel. Pule mais duas linhas e coloque a data.

  2. 2

    Comece a carta explicando a situação e certificando-se de incluir seu endereço. Por exemplo: "Uma ordem de despejo foi emitida recentemente para a propriedade de: (endereço)". Então, repita exatamente o que a ordem de despejo diz.

  3. 3

    Declare que você está agindo dentro dos seus direitos legais e tem prova de por que você está retendo o aluguel. Por exemplo, "De acordo com nosso contrato de aluguel, é seu dever, como proprietário, fazer os reparos necessários na propriedade. Eu tenho, e posso apresentá-las a você, as cartas pedindo que os reparos fossem feitos, os quais você se negou a fazer. Pela lei, eu estou autorizado a reter o pagamento em uma conta bloqueada até que os consertos necessários sejam feitos".

  4. 4

    Repita que o dinheiro está em uma conta bloqueada e que você irá liberá-lo ao seu proprietário quando os reparos forem feitos.

  5. 5

    Declare que você não deixará a residência e que está disposto e capaz de se defender contra a ordem de despejo se o proprietário levá-lo à Justiça.

  6. 6

    Explique como o proprietário pode entrar em contato com seu advogado. Termine a carta com "Atenciosamente, (seu nome)".

  7. 7

    Imprima e assine a carta. Escreva a data próxima à sua assinatura.

  8. 8

    Envie-a como carta registrada e guarde cópias de todas as suas cartas.

Dicas & Advertências

  • Reveja suas leis locais ou consulte um advogado para ter certeza de que esse é o procedimento correto a seguir. As leis podem variar em alguns lugares.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível