Como escrever um bilhete reconfortante para alguém doente

Escrito por irene a. blake | Traduzido por maria renata c. m. siqueira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como escrever um bilhete reconfortante para alguém doente
O papel de carta usado também pode ajudar a confortar a pessoa doente (Comstock/Comstock/Getty Images)

Quando alguém que você conhece está doente e precisando de conforto, uma mensagem curta e de coração pode melhorar o humor dele e distraí-lo da situação. Além do mais, uma carta de conforto pode permitir que você entre em contato com alguém que não esteja forte o suficiente para falar ou receber visitas. Para escrever um bilhete reconfortante não é preciso que você seja um poeta ou um profissional em escrever cartas. Na verdade, tudo o que você precisa é se colocar no lugar da pessoa e imaginar o tipo de mensagem que gostaria de receber se estivesse doente.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Escreva seu recado em um papel de carta ou em um cartão que tenha imagens reconfortantes, como uma paisagem natural e serena; flores; animais; um desenho bem humorado e positivo; ou outras imagens de que o seu amigo goste. Use um cartão com a cor de fundo preferida do destinatário ou em alguma cor que traga conforto, com cores pastéis clara, como creme, azul claro, pêssego claro ou lilás.

  2. 2

    Enderece o bilhete para a pessoa pelo primeiro nome e uma vírgula. Se a sua relação com esta pessoa é normalmente formal, enderece o cartão com uma saudação "Caro" e, em seguida, coloque o primeiro nome da pessoa e uma vírgula.

  3. 3

    Diga para a pessoa o que você sente por ela, demonstre sua admiração pela força com que está lidando com a doença ou simplesmente diga como se sente. Por exemplo, "Eu não sou muito bom com palavras e sentimentos, mas queria que você soubesse que eu me importo com você" ou " Eu sei que isto está sendo difícil para você. Eu realmente te admiro pela forma como lida com isso tão bem."

  4. 4

    Escreva sobre coisas que a pessoa doente possa se interessar e que trarão conforto para ela. Conte alguma coisa engraçada que aconteceu com você recentemente ou uma piada de bom gosto sobre doenças.

  5. 5

    Ofereça ajuda para a pessoa se você morar perto dela ou se puder ir até ela. Você pode se oferecer para fazer algumas coisas, entregar uma refeição, fazer compras ou ajudá-la a se arrumar para uma consulta no médico. Por exemplo, você poderia escrever "Vou cozinhar na quarta-feira e te levarei o jantar. Você prefere frango ou costelas ao barbecue?" ou "Vou fazer compras no domingo. Posso comprar algo para você?"

  6. 6

    Termine o bilhete com " Atenciosamente" ou " Com amor" seguido de uma vírgula e seu primeiro nome.

Dicas & Advertências

  • Se você sabe que o destinatário encontra conforto na religião, considere escrever o recado em um papel ou cartão desenhado com imagens religiosas.
  • Ou você pode também colocar uma passagem religiosa na carta que tenha relação com esperança e força em tempos difíceis.
  • Se o doente não pode mais viajar e você está mandando um cartão postal, conforte-o mandando fotos recentes de pessoas que ele não vê há tempos, como familiares, netos.
  • Se você for mandar o recado por e-mail ou em uma rede social como o Facebook, o Google+ ou o Twitter, mande também um link de um vídeo-cartão de melhoras.
  • Não dê conselhos em um cartão que deveria ser reconfortante para a pessoa doente, pois isso pode fazer com que ela se sinta pior. Não diga por exemplo "Você já pensou em fazer mais exercícios? Eu conheço uma pessoa que teve o mesmo problema, e um pouco de ar fresco e exercício já ajudaram bastante."

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível