×
Loading ...

Como escrever uma carta formal de advertência para atrasos

Atualizado em 17 fevereiro, 2017

Quase todos os locais de trabalho e salas de aulas, desde o jardim de infância até a universidade, possuem uma política que define e proíbe o atraso. Quando você atrasa, dá a impressão de que o evento ou a pessoa que o está esperando não é importante. No local de trabalho, não é indicado deixar clientes e consumidores esperando enquanto você termina outras coisas. Como gerente, é sua função alertar os funcionários formalmente quando o atraso se tornar habitual, ou quando eles se atrasarem tempo suficiente para merecer um aviso da gerência.

Instruções

Não se apresse, saia cedo o suficiente para chegar com tempo de sobra (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)
  1. Comece a carta digitando a data. Pule uma linha, e digite o nome do funcionário e seu endereço residencial em linhas separadas. Crie uma saudação, digitando "Prezado Sr. / Sra. (nome do empregado)", seguido por dois pontos.

    Loading...
  2. Informe ao empregado que seu atraso foi inaceitável, e que essa carta serve como uma advertência oficial para ser mais pontual a partir daquele momento.

  3. Detalhe as outras ocorrências de atraso, incluindo as datas e os horários. Explique qual regra seu atraso violou e, se for o caso, encaminhe-o para a página apropriada no manual, ou para o site que contenha as regras para referência.

  4. Explique o que irá acontecer, de acordo com as regras existentes, se ocorrerem novos atrasos. Seja específico sobre o processo de aviso e como ele pode recorrer, se for o caso.

  5. Forneça informações no último parágrafo. Informe ao funcionário se ele precisar assinar uma declaração, por exemplo. Inclua seu número de telefone e e-mail, no caso de haver alguma dúvida.

  6. Digite "Sinceramente", e pule três espaços de linha. Escreva seu nome completo e função. Imprima a carta em um papel timbrado da empresa e assine-a.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...