Especificações do Mitsubishi Solitaire

Escrito por pharaba witt | Traduzido por fabrício calmon
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Especificações do Mitsubishi Solitaire
O Mitsubishi Solitaire irá levá-lo para o alto e através das nuvens (David Epperson/Photodisc/Getty Images)

O Mitsubishi MU-2 Solitaire foi produzido de 1979 a 1981. É um avião bimotor turbopropulsor. Há quatro versões do mesmo avião, cada uma com pequenas diferenças. Os anos da produção total do MU-2 foram 1967-1985. O Solitaire foi projetado para ser um avião privado competitivo com assentos e capacidade de carga ampliada. Já as outras versões carregam um grande número de pessoas por um preço maior, tornando-os mais aptos a serem de gerenciados e operados por pequenas companhias aéreas que prestam serviços de manutenção em locais remotos.

Outras pessoas estão lendo

Motor

O avião é alimentado por duas turbo-hélices de 727 cavalos de potência do eixo (shp) em potência máxima contínua ou 689 shp em ​​potência de cruzeiro. A potência de cruzeiro recomendada para estes motores é de 96% de rpm. A taxa de subida é de 475 pés por minuto (FPM) por motor, quando o avião está carregado com o peso bruto total. Cada motor gira uma hélice Hartzell de 2,50 metros com quatro lâminas.

Especificação do interior

O avião possui assentos para oito a nove pessoas. O peso bruto do Solitaire é 4.749 kg. O peso dele vazio é 3.179 kg. A área de carga fica na parte traseira do avião, atrás dos assentos traseiros. Os dois bancos traseiros podem ser retirados para aumentar a área de carga. O Solitaire é considerado como tendo uma fuselagem padrão, enquanto a versão Marquês do mesmo avião possui fuselagem alongada, permitindo, assim, a existência de mais assentos.

Perfomance

Este avião pode voar a 580 quilômetros por hora (km/h) com uma velocidade total de máxima de 595 km/h. A velocidade de parada é de 135 km/h. O Solitaire pode subir em um ritmo de 716 metros por segundo a um limite máximo de 10 mil metros. Ele exige uma distância de decolagem de 15 metros, e o mesmo para o pouso. O diferencial de pressurização da cabine é 6,0 psi, permitindo que a aeronave mantenha a pressurização de nível do mar até 4.250 metros.

Exterior

A porta de entrada da frente fica próxima à cabine do piloto da aeronave e tem como característica escadas que ficam suspensas. Na parte traseira da aeronave há uma outra porta, no mesmo lado da cabine do piloto. Esta é para o carregamento de carga, mas você pode adicionar um conjunto de escadas para transformá-la em uma entrada também. O trem de pouso é fixo e as asas são montadas na parte superior. Os dois motores de turbo-hélice estão localizados nas asas, um em cada uma.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível