Como a espuma de poliuretano é feita?

Escrito por john albers | Traduzido por gregory ciannella
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como a espuma de poliuretano é feita?
Aprenda mais sobre a espuma de poliuretano (pink foam image by laurent dambies from Fotolia.com)

Outras pessoas estão lendo

O que é a espuma de poliuretano?

A espuma de poliuretano é um dos quatro tipos básicos de produtos que podem ser fabricados a partir de poliuretano líquido puro, formados por dois produtos químicos que, quando misturados e aquecidos, formam poliuretano líquido antes de serem posteriormente processados. Esses produtos químicos são o poliol, um tipo de álcool complexo, e di-isocianato, subproduto do petróleo que reage fortemente ao álcool. Ao combinar os dois, uma molécula de cadeia longa e estável é formada, um polímero ou plástico, conhecido como uretano.

Qual a finalidade da espuma de poliuretano?

Espuma de poliuretano é usada principalmente em roupas e estofamento de móveis. É hipoalergênica, não tóxica e não se degrada ao longo do tempo. Isso significa que almofadas preenchidas com ela sempre recuperam a sua forma, não importa quanta pressão seja aplicada. Camas de espuma também estão se tornando popular. A camada mais sólida é moldada para se ajustar ao corpo. Embalagens de amendoins e embalagens de espuma também são usadas ​​por companhias de entrega em todo o mundo.

Como a espuma de poliuretano é feita?

Uma vez que os dois ingredientes foram combinados de modo a formar um líquido quente de poliuretano, são passados através de um tubo até uma cabeça de bocal. Por baixo do bocal há uma série de rolos sobre os quais passa papel encerado. O bocal joga jatos de spray de líquido quente sobre o papel encerado, misturado-o a doses de dióxido de carbono provenientes de outro bocal. Isso faz com que o poliuretano se expanda conforme se mova para baixo da correia transportadora, formando uma tira de espuma. As bordas da espuma são aparadas e comprimidas para assegurar que retenham uma forma aceitável. A espuma é formada por um número incontável de pequenas bolhas de gás presas ao poliuretano. A menos que o gás seja liberado, a espuma vai assumir a consistência de uma rocha. Assim, a espuma passa por uma série de lâmpadas de aquecimento. Elas secam a espuma e fazem com que as bolhas venham a se expandir, em seguida, estouram, deixando um material esponjoso e poroso para trás.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível