×
Loading ...

Estágios da gravidez equina

Uma égua carrega seu potrinho em seu ventre por em média 11 meses. É difícil reconhecer em que fase da gravidez ela se encontra, mas durante todo o tempo o potro estará se desenvolvendo e passando por muitos estágios diferentes até que ela finalmente dê a luz.

As éguas carregam seus potros por 11 meses (horse 8 image by Harvey Hudson from Fotolia.com)

Os primeiros dois meses

O potro primeiramente é um embrião. Em três semanas, ele terá cerca de 2,50 centímetros de comprimento e é visível (se você pudesse ver o interior da égua) ele já conta com vasos sanguíneos e um coração. Depois de um mês, se fosse possível, você veria pequenas pernas, orelhas e pálpebras, neste momento ele se transforma de embrião para feto. Até o final do segundo mês, ele será um pouco maior e terá as características claras de um cavalo, com cauda e até mesmo cascos.

Loading...

Do terceiro ao quinto mês

No terceiro mês, o feto, agora com o tamanho de um porquinho da índia, repousa no útero da égua como um pequeno cavalo que dorme de costas. Se você pudesse ver o interior da égua seria capaz de dizer se o potro será um macho ou uma fêmea. O feto continua a crescer e suas características tornam-se mais claras. Até o quinto mês de gestação da égua o feto desenvolverá cílios e estará aproximadamente do tamanho de um gato.

Do sexto ao oitavo mês

O potro ganhará peso rapidamente, duplicando-o a cada duas semanas. O feto agora tem uma juba curta e o pelo começará a crescer na cauda. Até o final do oitavo mês estará tão grande quanto um cordeiro.

Do nono ao décimo primeiro mês

No nono mês o feto se parecerá com um pequeno potro. Terá pelo no corpo, cascos bem desenvolvidos, bem como uma crina e cauda. Ele continuará a engordar. Nas últimas semanas antes do nascimento os pulmões ficarão fortes o suficiente para respirar o ar, os músculos estarão prontos para apoiar o cavalo quando ele se levantar e os pelos do seu corpo ficarão mais espessos. Logo após nascer o potro se levantará e começará a ser cuidado pela mãe.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...