Que tipo de esterco cria o melhor fertilizante?

Escrito por rachel delp | Traduzido por dimitrios meimaridis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Que tipo de esterco cria o melhor fertilizante?
O esterco composto é formado por uma variedade de animais diferentes e é um excelente tipo de fertilizante (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Com o interesse renovado em fertilizantes orgânicos, muitos jardineiros estão considerando seus benefícios. Independente da sua origem, o perito do site Fine Gardening, Brian Aldrich, recomenda usar o composto em vez do esterco fresco, que pode feder, atrair moscas, queimar plantas pequenas e potencialmente conter agentes patogênicos. O esterco de gado rende o melhor tipo de fertilizante, mas como existe a variabilidade de nutrientes, o solo deve ser analisado anualmente.

Outras pessoas estão lendo

Gado leiteiro

O esterco produzido por gado leiteiro é um excelente fertilizante, fornecendo os nutrientes necessários para a maior parte das plantas de jardim. Para usar este tipo de esterco, a Universidade Estadual da Carolina do Norte, nos EUA, recomenda que, tanto o solo quanto o esterco sejam analisados periodicamente e que este seja aplicado pouco antes de plantar. Usar o esterco no tempo ideal resulta na produção máxima de nitrogênio para que as pequenas plantas possam crescer. Isso minimiza a absorção vinda da água do chão. O fertilizante orgânico se decompõe lentamente, o que garante que os nutrientes sejam repassados ao solo durante alguns anos após sua aplicação.

Esterco de aves de criação

O esterco de aves de criação é uma importante fonte de nutrientes para as plantas. Segundo o Departamento de Extensão Cooperativa do Alabama, nos EUA, este tipo de esterco é produzido a partir de restos de alimentos, fezes, penas, serragem e ração. Assim como outros tipos de esterco, a composição de nutrientes pode variar, portanto, é importante analisar o esterco antes de aplicá-lo. O esterco de aves deve ser compostado para reduzir o seu alto teor em nitrogênio, que pode inclusive causar a morte de plantas.

Coelho

Outros consideram o uso de esterco de coelho como o melhor tipo para o uso de jardineiros. Bob Bennet, da Associação Nacional de Jardinagem norte-americana, reporta que este tipo de esterco contém quatro vezes mais nutrientes que os de gado ou cavalos e o dobro que os de aves. Sua forma natural torna seu uso mais prático, comparado aos outros tipos. E, ao contrário dos outros tipos de esterco, você pode utilizar o esterco de coelho fresco sem o risco de estragar ou queimar a planta. Quando fresco, este esterco pode oferecer 2% de nitrogênio e 1% de fósforo e de potássio.

Outos tipos de esterco

Embora seu uso como fertilizante seja menor, alguns especialistas em jardinagem recomendam o esterco de bode e guano, formado a partir de fezes de pássaros e morcegos. Os de bode apresentam um esterco semelhante aos de coelho, o que torna seu uso mais prático para jardineiros. Segundo Nikki Phipps, do site Garden Know How, comparado ao esterco de gado, ele produz um odor mais fraco e atrai um número menor de insetos.

Outros jardineiros também usam há anos o guano, formado por restos secos de fezes de morcegos e pássaros. No entanto, a qualidade e quantidade de nutrientes variam bastante, pois dependem exclusivamente da dieta dos animais. O guano também pode conter o fungo Histoplasma capsulatum, que causa a histoplasmose, uma doença de alto risco para humanos, segundo o Serviço Nacional de Informação sobre Agricultura Sustentável norte-americano. A mesma entidade ainda alerta sobre o uso de fertilizantes feitos a partir de esterco de gatos, cachorros e porcos, que compartilham parasitas em comum com seres humanos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível