O que é o estigma em uma flor

Escrito por lisa russell Google | Traduzido por raissa oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que é o estigma em uma flor
O estigma é importante para a germinação (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

Cada parte de uma flor serve para um propósito. O estigma é facilmente identificável na maioria das flores e tem uma função muito importante. A vida na Terra não seria a mesma sem essa pequena, mas importante, parte das plantas.

Outras pessoas estão lendo

Importância

Os estigmas têm uma ponta pegajosa que permite que o pólen se fixe e polinize a planta. Sem a polinização, não haveria sementes.

Identificação

O estigma fica geralmente no centro da flor e se projeta do pistilo, ficando mais alto do que as anteras circundantes. Ele geralmente tem uma aparência gelatinosa ou visceral, sendo ligeiramente úmido e peludo.

Função

Devido ao fato de ser um receptáculo de pólen, o estigma tem uma superfície pegajosa à qual os grãos se aderem, e ele também os transporta até o óvulo para a fertilização.

Tipos

Em algumas flores, como as orquídeas e as tulipas, o estigma é muito fácil de se ver. Em outras, como as cerejeiras, ele é mais difícil de detectar.

Teorias e especulação

Pesquisadores agrícolas estão trabalhando em maneiras de cultivar plantas com estigmas inativos, evitando, assim, a polinização, para que os agricultores tenham que comprar sementes ano após ano, em vez de guardar as suas próprias.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível