Como estimar a quantidade de madeira requerida para aumentar a casa

Escrito por billy mccarley | Traduzido por franciele gobi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como estimar a quantidade de madeira requerida para aumentar a casa
Uma calculadora e um lápis são as ferramentas necessárias para estimar a quantidade de madeira (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Proprietários que desejam estimar a quantidade de madeira necessária para aumentar a casa podem fazer isso seguindo os procedimentos desenvolvidos pela indústria de construção. Matemática básica, um conjunto de plantas baixas e duas a quatro horas são as ferramentas necessárias para desenvolver uma lista completa de quantidade de madeira. A boa notícia é que uma pessoa comum pode completar esse projeto com sucesso.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Calculadora
  • Lápis
  • Papel

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Calcule a quantidade de madeira para o piso para começar a estimativa do aumento da casa. Converta o comprimento da fundação para centímetros. Multiplique o comprimento em metros por 100. Por exemplo, caso a fundação possua 6 m, multiplique 6 por 100, para chegar a 600 cm. Divida isso pelo valor correspondente à viga de espaçamento que o piso terá, que geralmente é de 40 cm. Os 600 cm divididos por 40 resultam em 15. Serão necessários 15 vigas de piso para cobrir uma fundação de 600 cm. No entanto, se a fundação for maior que 4,8 m, que é o comprimento típico da viga de espaçamento, então será necessário descobrir o comprimento extra. Se o aumento da casa for de 9,6 m por 6 m, por exemplo, serão necessárias duas vigas, ligadas nas pontas, a cada 40 cm. Nesse caso, seriam necessárias 30 vigas de espaçamento para o trabalho.

  2. 2

    Descubra a quantidade de compensado para o contrapiso que será necessária multiplicando o comprimento pela largura do piso, para encontrar a área total em metros quadrados. Se a fundação for de 6 m por 9,6 m, isso resulta em 57,6 m^2. Então, divida a área total por 2,88, que é a área total em metros quadrados de uma peça de 2,4 m por 1,2 m de contrapiso de compensado. O total será de 20 lâminas de contrapiso de compensado.

  3. 3

    Estime a quantidade de madeira para as paredes medindo o perímetro da fundação e somando os valores. Por exemplo, se a fundação possui 6 m por 9,6 m, ela possui dois lados de 6 m e dois lados de 9,6 m, com um total de 31,2 m. Converta para centímetros multiplicando 31,2 por 100, ou 3120 cm. Divida esse valor por 40 cm, que é o espaçamento entre as vigas de parede. O total deverá ser de 78 vigas para as paredes. Para descobrir as placas de teto e de fundo para as paredes, multiplique 31,2 por 2, e divida isso por 4,8 m, que é o comprimento de uma placa de parede típica de 60 cm por 120 cm. Serão necessárias 13 varas de madeira de 4,8 m para as placas de parede.

  4. 4

    Estime o revestimento da parede multiplicando o perímetro total, que é 31,2 m, vezes a altura da parede, que tipicamente é de 2,4 m. O total é 74,88 m. Divida esse número por 2,88, que é o total de metros quadrados de uma lâmina de revestimento de parede, e o valor final será de 26 lâminas de revestimento.

  5. 5

    Estime o madeiramento do telhado através da divisão do perímetro da fundação, que no exemplo é de 31,2 m, por dois, que é o espaçamento dos membros do madeiramento do telhado. O resultado deverá ser 15,6, que é o número de vigas de madeira necessário para o madeiramento do telhado. Descubra o revestimento do telhado tomando a área em metros quadrados da fundação e dividindo-a por 2,88. No exemplo de um aumento de 6 m por 9,6 m, serão necessárias 20 lâminas para o revestimento do telhado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível