Ética para cabeleireiros e clientes

Escrito por thomas lynn | Traduzido por juliana soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Ética para cabeleireiros e clientes
Manter um relacionamento com os clientes ajuda os cabeleireiros a aumentarem seus negócios. (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Os cabeleireiros precisam seguir um código de ética, leis e regulamentos apresentados pelo estados nos quais trabalham. Seguir estes regulamentos pode ajudá-los a manterem suas licenças profissionais e sustentar o relacionamento com os clientes. Enquanto os estados controlam as licenças para o exercício da função, as necessidades dos próprios locais de trabalho são parecidas. Os cabeleireiros devem supervisionar toda a atividade do salão, tentar lidar com reclamações dos clientes e informar os benefícios e perigos de um tratamento em particular, procedimento ou penteado.

Outras pessoas estão lendo

Licenças e certificados

Os cabeleireiros e esteticistas recebem licenças estaduais para exercer os procedimentos estéticos e certificados de associações de cabeleireiros ou clínicas. Esses documentos mostram aos clientes que um profissional é competente e foi aprovado para trabalhar. Exiba os certificados em um local visível para permitir que os clientes se sintam confortáveis e seguros em suas decisões.

Reclamações e erros

Ofereça serviços gratuitos para resolver os problemas dos clientes que reclamarem. Um cliente pode não ter gostado de um penteado ou corte que o cabeleireiro fez e tem o direito de solicitar mudanças ou alterações. Esses serviços devem ser feitos de acordo com o gosto do cliente e não se deve cobrar nada por eles.

Aprendizes e estagiários

Muitos salões empregam aprendizes e estagiários da área. Essas pessoas ajudam muito no dia a dia de um salão, mas não devem ter controle total sobre um corte ou penteado do cliente. Sempre observe, supervisione e instrua o estagiário enquanto ele estiver trabalhando.

Informação

Um cabeleireiro deve informar ao cliente sobre possíveis efeitos, danos ou resultados de um procedimento. Os profissionais devem informar abertamente os riscos e benefícios de certo corte, penteado ou procedimento. Uma falha nesse aspecto pode resultar em reclamações formais ou mesmo na revogação de uma licença.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível