Etiqueta para uma noite de sexo casual

Escrito por michael wolfe | Traduzido por débora santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Etiqueta para uma noite de sexo casual
Sexo casual

Ficadas de uma noite só, além de serem o mais casual dos encontros sexuais, também tem seu próprio código de etiqueta. Essas regras são feitas para permitir que cada parceiro aproveite uma noite de sexo de forma segura e sem a complexidade que uma relação amorosa traz. Acima de tudo, os dois parceiros devem ser francos com eles mesmos e com o outro sobre a natureza efêmera dessa situação e não confundirem isso com um prelúdio para um outro tipo de relacionamento.

Outras pessoas estão lendo

Esteja preparado

É de responsabilidade tanto do homem quanto da mulher prevenir gravidez e doenças sexualmente transmissíveis, portanto os dois parceiros devem carregar preservativos. O homem deve sempre se oferecer para usar uma camisinha e ambos, por segurança e não etiqueta, devem exigir que ele use. Se um homem se recusa a usar uma camisinha por qualquer razão (por exemplo, "é desconfortável", " eu não tenho nada", " eu fiz vasectomia"), está perfeitamente dentro dos direitos do parceiro acabar com esse encontro imediatamente.

O ato em si: seja educado

O sexo sem compromisso é bem parecido com o sexo dentro de um relacionamento, só que sem a vantagem de saber as preferências, a tolerância e tabus do parceiro. Dessa forma, ambos devem exercitar uma sensitividade especial no que tange os gostos do outro. Não assuma simplesmente que o parceiro gostará de determinada posição, técnica ou ação. Só porque você se interessa por coisas excêntricas ou posições sexuais contorcionistas, isso não significa que todas as pessoas gostem. Como regra geral, antes de tentar algo novo, peça a permissão do seu parceiro. Enquanto alguns podem ver essa regra como uma coisa que roubará a espontaneidade do sexo, pedir a permissão do outro certamente será melhor do que correr o risco de ser chutado para fora da cama. Por outro lado, se seu parceiro começar a fazer algo que não lhe agrada, você tem o direito de pedir para que ele pare.

Ficar mais tempo por lá

Ficar mais tempo do que somente a noite é aceitável, mas não é obrigatório. Os dois devem ficar confortáveis para ir embora ou sugerir que o outro vá. Enquanto é um pouco mal educado ir embora imediatamente depois do sexo -- o que pode levar a outra pessoa a se sentir usada ou rejeitada -- os parceiros devem estar atentos para os sinais do outro em relação ao que ele sente sobre passar a noite juntos. Tracey Cox, em seu livro "Hot Sex: How to Do It", sugere um truque para conseguir que o outro vá embora depois do sexo: se levante, vista suas roupas e faça uma bebida em outro cômodo. Com sorte, isso compelirá o seu parceiro a se vestir também, acompanhar você e, então, ir embora. Se a pessoa não for embora depois da bebida, pergunte se ela gostaria que chamasse um táxi, invente uma desculpa para justificar porque ela deve ir ou sugira diretamente que ela vá embora.

A manhã no dia seguinte

Parceiros de uma noite só devem, a menos que as duas partes decidam o contrário, começar a sua relação do jeito que eles encontraram, o que pode significar voltar a serem estranhos. Nenhum dos parceiros deve esperar um laço emocional e muito menos um relacionamento contínuo. Enquanto é aceitável pedir para a outra pessoa o seu número, e-mail ou até marcar outro encontro, você não deve considerá-la rude se ela não aceitar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível