Como evitar cometer erros de concordância verbal na língua inglesa

Escrito por corey bieber | Traduzido por rúben carlos esteves
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como evitar cometer erros de concordância verbal na língua inglesa
Os erros de concordância sujeito-verbo são um assunto gramatical comum (Creatas Images/Creatas/Getty Images)

O escritor Jose Carillo coloca um exemplo difícil para determinar a concordância sujeito-verbo: "Which one is correct, 'The plural of nouns are formed in a number of different ways', ou 'The plural of nouns is formed in a number of different ways'? A melhor forma de você evitar cometer erros de concordância verbal é reconhecer se o sujeito a que o verbo se refere está no singular ou no plural. Só depois de reconhecer isto é que você pode continuar a assegurar a concordância verbal. Só há concordância verbal quando são utilizados verbos que estejam relacionados adequadamente com o sujeito. Em outras palavras, os sujeitos no singular concordam com verbos no singular e os sujeitos no plural concordam com os verbos no plural. Embora isso seja simples, existem muitas incertezas que tornam, por vezes, a concordância verbal em um assunto gramatical complexo.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Reconheça o sujeito modificado pelo verbo. Por exemplo, na frase: "The subject and verb are in agreement". Nessa frase, os sujeitos são: "subject" e "verb", ou seja, o sujeito é composto; está no plural.

  2. 2

    Examine a frase para ter a certeza que o verbo e o sujeito concordam um com o outro. Na frase "The subject and verb are in agreement", por exemplo, o verbo é "are" para concordar com o plural "subject".

  3. 3

    Se for o caso, modifique a frase. Se a frase era: "The verb are in agreement", o sujeito ("verb") e o verbo ("are") não concordariam, porque o sujeito está no singular e o verbo está no plural. Para que haja concordância entre sujeito e verbo, você terá de efetuar alterações, como por exemplo: "The verb is in agreement" ou "The verbs are in agreement".

  4. 4

    Identifique as palavras que ficam no lugar do sujeito, como por exemplo "each". Na frase: "Each was in its place" você percebe que esse "each" transformou-se em um sujeito no singular. Essa é uma regra constante não só com a palavra "each", mas também com as palavras "everybody/anybody/nobody" e "everyone/anyone/no one".

  5. 5

    Procure sujeitos que estejam agrupados por frases, como por exemplo: "in addition" "as well as", etc., para conservar a concordância em número do sujeito. Por exemplo, na frase: "Ben and Steven don't care for skim milk" o verbo flexiona, ao passo que na frase "Ben, as well as Steve, doesn't care for skim milk" o verbo não é flexionado.

Dicas & Advertências

  • Há uma forma simples de assegurar que em uma frase com dois sujeitos diferentes, os verbos sejam utilizados da maneira certa: utilize o verbo que concorda com o sujeito mais próximo, como por exemplo na frase: "Neither the tables nor the chair was broken".

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível