Mais
×

Como evitar discussões familiares nas festas de fim de ano

Getty Images

Introdução

O Natal é aquele dia do ano em que todos tiram folga, com exceção dos bombeiros e das enfermeiras de plantão. Também é a época para a família se reunir e para se lembrar de como cada membro pode ser irritante. Discussões familiares fazem parte da maioria dos Natais, o que tira um pouco do brilho da decoração da casa e dos presentes cuidadosamente embrulhados. Porém, alguns truques psicológicos e distrações podem reduzir a chance de discussões e melhorar o clima da ceia de Natal ou de Reveillón para todos.

Comstock Images/Comstock/Getty Images

Mostre o álbum de fotografias

O sentimento de nostalgia é poderoso na época de fim de ano e pode ser usado para acabar com a vontade de discutir de alguns parentes. Simplesmente desenterre álbuns antigos ou peça para os parentes trazerem os deles. Assim, todos sentarão na sala de estar e automaticamente se reunirão para folhear fotos antigas de seus antepassados, de suas próprias famílias ou de si quando eram crianças fofinhas e calmas brincando com os irmãos.

Ryan McVay/Photodisc/Getty Images

Delegando tarefas

O ócio pode provocar discussões, então a dica é manter todos os parentes ocupados. Peça ajuda para servir a mesa, compartilhe tarefas. Peça a uma tia para colaborar com o tempero do peru e encarregue o tio de colher flores no jardim para decorar a mesa junto com as crianças. Se cada membro da família tiver afazeres, sobrará pouco tempo para os conflitos que podem vir à tona nessas ocasiões especiais.

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Coloque um filme agradável

A programação de fim de ano é repleta de filmes sob medida para toda a família, o que pode ajudar a entreter e distrair parentes que vêm para passar o dia. Animações de bichos fofinhos capazes de falar e de se livrar de terríveis situações podem ajudar a deixar até o parente mais ranzinza de bom humor. A sessão de cinema antes do jantar pode ser uma tática inteligente para deixar a reunião com a atmosfera ideal.

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Faça comidas especiais

Algumas vezes as discussões começam a respeito da comida e pelo fato das preferências serem ignoradas ou esquecidas por quem organizou o menu da ceia. Algumas alfinetadas podem surgir porque parentes se sentem deixados de lado ou menos importantes. Fazer um esforço para se lembrar do gosto de todos que vêm para jantar pode fazê-los se sentirem incluídos e de bom humor. Deixar uma tigela de petiscos ao alcance dos parentes em frente à televisão mantém a fome e a irritação bem longe.

Digital Vision./Digital Vision/Getty Images

Sugira uma caminhada

O clima em dezembro pode ser bastante quente, mas se você tiver sorte, pode desfrutar de uma brisa agradável. Faça o que puder com o que tem à mão. Sugira às crianças brincar do lado de fora e convide os adultos para um passeio pelas redondezas.

Dylan Ellis/Digital Vision/Getty Images

Faça o canto ser parte do Natal

Tire vantagem de adolescentes carrancudos com amor pelo violão. Faça-os sentar na sala peça para que toquem uma música que atraia as pessoas que estão em outros lugares da casa. Até os mais ranzinzas podem querer participar. Jogos de karaokê também são uma opção para entreter crianças e jovens, que podem se sentir tentados a sair de seus esconderijos para uma competição de canto com os adultos. Este tipo de atividade pode preencher o tempo e evitar certas conversas que sempre terminam em discussão.

Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images

Dê livros de presente

Se seus parentes gostam de ler, faça um esforço extra para encontrar o livro perfeito para cada um deles neste Natal. Depois, certifique-se de que a mesa da sala de estar possua cadeiras por perto e coloque os livros ao alcance de todos. Então, cada um poderá se sentar confortavelmente com uma bebida e um livro e silenciosamente ler durante parte do dia, absorvendo a atmosfera relaxante sem ser atraído por briguinhas que podem degenerar em discussões mais sérias.

Comstock Images/Comstock/Getty Images

Convide uma pessoa de fora

Se tudo isso falhar, no próximo ano convide uma pessoa de fora para a sua celebração de Natal e de Réveillon. Melhor ainda se essa pessoa não falar português fluentemente ou não estiver acostumada a celebrar o Natal e o Ano Novo da mesma forma que no Brasil. Isso significa que a família terá que fazer algum esforço para explicar as tradições e comidas para o estrangeiro de um jeito hilário e confuso e isso ajudará a manter todos comportados.