Mais
×

Como evitar as principais brigas que rolam num relacionamento

Getty Premium

Introdução

Encontrar alguém com quem ter um relacionamento sério está muito complicado, mas quem pensa que o trabalho acabou depois de começar um namoro está muito enganado. É então que começa a parte difícil. Sim, manter uma relação afetiva não é fácil, pois seu parceiro tem opiniões diferentes, o que pode gerar muitas discussões. Porém, também é de diferenças que um casal é feito. Afinal, seria irritante namorar alguém que sempre pensa igual a você. Um pouco de discórdia é sempre bom para apimentar a relação, mas o bom senso deve sempre predominar. Por isso, veja adiante como evitar as principais brigas em um relacionamento.

Photos.com/Photos.com/Getty Images

Diálogo

Comunicação é a base de toda relação. Não apenas romântica, mas também na área profissional, familiar e com amigos. É muito importante conversar sobre algo que é irritante para você e também sobre coisas um pouco desagradáveis no seu ponto de vista. Afinal, quanto mais conhecimento seu parceiro tem a seu respeito, mais ele pode fazer você feliz. Conversar é fundamental para entender o outro. Se você ficar guardando tudo para si mesmo, não haverá mudança, além de ser muito prejudicial para sua saúde física e emocional. Por isso, fale, abra seu coração. Por mais difícil que seja, você precisa falar o que incomoda você. Seu parceiro precisa conhecê-lo ao máximo.

Visage/Stockbyte/Getty Images

Sinceridade

Ninguém gosta de ser enganado. Por isso, seja sempre sincero com seu parceiro. Seja franco com relação a quem são os amigos com quem você vai sair, para onde vão, a que horas termina o evento e, principalmente, seja sincero sobre seus sentimentos. Trate sua cara-metade sempre como você gostaria de ser tratado. Você gostaria que ele ou ela mentisse para você? Então, não minta, seja honesto. Um relacionamento baseado em falsidade não tem futuro. Quando uma mentira é contada, você precisa sustentá-la para sempre, o que é muito difícil. É mais fácil e agradável ser sincero. Afinal, desde crianças aprendemos que "a mentira tem perna curta".

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Expectativas

Cada parte de um casal tem diferentes expectativas, por isso é importante deixar claro desde o começo aonde você quer chegar. O relacionamento é sério, você quer casar, ter filhos e cachorros? Quando for o momento certo, será necessário que esse tipo de expectativa esteja alinhada com sua cara-metade. Do contrário, o relacionamento será agradável, mas vocês não desejarão dar um passo adiante. Se esse for o caso, os dois precisam concordar que tudo será mantido do jeito que está. Precisam concordar de verdade. Não adianta você dizer que está satisfeito com a relação enquanto, na realidade, quer dar o próximo passo no relacionamento.

George Marks/Retrofile/Getty Images

Família

A família é muito importante, pois é a base de cada pessoa, por isso não tente se colocar na frente dos parentes do seu parceiro. Mesmo se sua sogra for a pessoa mais irritante do mundo, lembre-se de que ela é a mãe dele. Não falte com respeito e não fale mal dos parentes do outro. A família é intocável, então se acostume com ela. Se falam alto, são distantes, riem estranho, trabalham pouco, esbanjam demais, essas não são coisas que seja possível mudar. Por isso, apenas aceite. De perto, nenhuma família é normal.

Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images

Amigos

Não que seus melhores amigos precisem aprovar seu parceiro, mas é fundamental que haja um bom relacionamento entre eles e sua cara-metade. Afinal, é muito constrangedor quando seus amigos comentam sobre seu "acompanhante". As pessoas importantes para sua vida precisam se entrosar. Imagine se todas as vezes que seus amigos marcarem algo você não puder levar seu namorado. Isso se tornará um problema para você. Por isso, faça o possível para que seus amigos tenham uma boa impressão do seu parceiro, já comente quais brincadeiras eles costumam fazer e outras peculiaridades de seu grupo de amigos.

Visage/Stockbyte/Getty Images

Trabalho

Trabalhar é bom, mas há um limite para tudo na vida. Se seu ritmo de trabalho é frenético e o do seu parceiro também, ótimo, casal workaholic. Porém, se algum dos dois trabalhar oito horas por dia enquanto o outro só para de trabalhar para dormir e comer, é necessário entrar em um acordo. As duas partes aceitam essa diferença? Se não, é necessário que alguém esteja disposto a mudar. Pesquisas comprovam que o excesso de afazeres afeta principalmente a vida afetiva das mulheres. Elas precisam de um tempo dedicado ao seu companheiro. Se é difícil diminuir a carga de trabalho, o casal precisa combinar de aproveitar ao máximo o tempo que passa junto.

Stockbyte/Stockbyte/Getty Images

Religião

Muitas pessoas não consideram a religião um ponto a ser levado em consideração em um relacionamento. Para essas pessoas, o ideal é namorar alguém que também pense dessa forma. Se sua religião é algo relevante na sua vida, saiba que ter um parceiro que acredita nas mesmas coisas que você é meio caminho andado para evitar desentendimentos. Não que namorar alguém de religião diferente signifique que o casal está fadado ao fim, há casos que deram certo, mas é preciso muita paciência e perseverança. Você está disposto a isso? Quando há diferenças, é preciso analisar até onde vai sua tolerância.

Thomas Northcut/Lifesize/Getty Images

Redes sociais

Com as redes sociais, o contato com outras pessoas foi facilitado. Você pode reencontrar aquela velha paixão, ver as fotos do ex e, principalmente, ver as fotos do ex do seu parceiro. Não fique com a consciência pesada, é natural querer saber da vida dessas pessoas. Mas é importante se lembrar de um ponto que já foi abordado: a sinceridade. Se há algo no seu perfil do Facebook que não pode ser lido por sua cara-metade, isso significa que você tem algo a contar para ele. Pode parecer radical, mas é melhor contar antes que ele descubra sozinho. Com certeza você conhece alguém que já teve problemas com o namorado por causa das redes sociais. Você quer passar pelo mesmo?

Goodshoot/Goodshoot/Getty Images

Privacidade

Considerando que já foi comentado sobre as redes sociais, podemos partir para o tema da privacidade. Todo mundo precisa ter seu espaço, seu momento a sós. Pode ser no quarto, na cozinha, na sala ou no banheiro. É importante que cada parte do casal saiba que há um limite para a curiosidade. Se a pessoa não quiser expor uma área da vida dela, você precisa respeitar isso, por mais difícil e incompreensível que seja. Cada um tem uma forma de lidar com complicações da vida e se ainda não chegou o momento de compartilhar isso com você, respeite.

Jupiterimages/Polka Dot/Getty Images

Racionalidade

O amor é lindo e perfeito, mas não pode sobrepor a razão. Mudar de cidade para ficar ao lado da pessoa amada parece ser uma ótima ideia, mas é preciso pensar duas vezes antes de fazer uma mudança tão grande. Largar o emprego para correr atrás do amor pode não ser muito inteligente. Por isso, não cobre isso do seu parceiro. Perder a razão algumas vezes é normal e até pode ser positivo, mas no geral é ela que deve orientar o relacionamento. Isso sem perder o bom e velho romantismo.