Exercícios para aliviar a dor nas costas causada pela hérnia de disco

Escrito por patricia coldiron | Traduzido por anderson gandor
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Exercícios para aliviar a dor nas costas causada pela hérnia de disco
Exercícios leves prescritos por um fisioterapeuta podem aliviar a dor causada pela hérnia de disco (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

Movimentos repetitivos podem fazer com que um dos discos fique ressecado e degenere. O centro gelatinoso começar a protuberar à medida que o disco resseca, causando dor nas costas. De acordo com o Dr. Jerry Swanson "a saliência é normal à medida que o disco envelhece, e é comumente visualizada em escaneamentos MRI". Exercícios leves prescritos por um fisioterapeuta podem aliviar a dor causada pela hérnia de disco.

Outras pessoas estão lendo

Diagnóstico

Seu médico inicia o processo de diagnóstico consultando seu histórico médico e realizando um exame físico completo, com exames adicionais na medida em que forem necessários.

Tratamento

Medicamentos sem prescrição ou remédios para dor com receita médica podem aliviar a dor causada pela hérnia de disco. Seu médico pode também indicar um fisioterapeuta.

Razões para exercitar as costas

O exercícios fortalece os músculos das costas e alongamentos reduzem o risco de espasmos musculares. Caminhadas preservam a massa muscular e reduzem a chance de fraturas por compressão. Químicos denominados endorfinas, que combatem as dores no corpo, são liberados quando você se exercita, portante escolha algum esporte de sua preferência.

Exercícios para as costas

Seu fisioterapeuta pode aconselhar que esses exercícios sejam praticados em casa:

Inclinação da região lombar: Deite-se no chão, sobre um tapete ou outra superfície confortável. Contraia os músculos na região dos glúteos e abdômen para que a região lombar fique reta e a região pélvica fique inclinada para cima. Respire profundamente algumas vezes e incline sua pélvis para baixo, fazendo com que a zona lombar se erga.

Ponte para trás: Deite-se no chão, em uma posição confortável com o rosto virado para cima, e lentamente erga os glúteos e as costas do chão. Alongue a espinha na medida em que trás o corpo de volta para o chão.

Quase abdominais: Deite-se no chão, em uma posição confortável com o rosto virado para cima. Estique as mãos entre os joelhos, enquanto ergue lentamente a cabeça e os ombros. Com o queixo ainda em uma posição recolhida, coloque as mãos sobre o joelho esquerdo e direito. Baixe a cabeça e os ombros e descanse por alguns minutos antes de repetir o movimento.

Movimento dos joelhos: Deitado, com o rosto virado para cima e com os cotovelos em posição reta sobre o chão, movimente os joelhos para a esquerda e, em seguida, para a direita.

Joelhos no peito: Deitado, dobre o joelho direito em direção ao peito, segure-o e conte até cinco. Solte-o e retorne à posição inicial, realizando o mesmo procedimento com o outro joelho.

Extensão da lombar: Deite-se sobre o estômago, apoiando a parte superior do corpo sobre os cotovelos enquanto mantém o quadril no chão. Mantenha essa posição por, pelo menos, cinco segundos por repetição, durante 10 repetições. Este exercício deve ser realizado lentamente, e o paciente pode experimentar algum tipo de dor inicial enquanto estiver nessa posição.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível