Exercícios para reparar e reabilitar um labrum rompido sem cirurgia

Escrito por sarka-jonae miller Google | Traduzido por fernanda de assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Exercícios para reparar e reabilitar um labrum rompido sem cirurgia
Labrum é a cartilagem da articulação do ombro (Comstock/Comstock/Getty Images)

O labrum é a cartilagem da articulação do ombro, e do quadril, que proporciona um suporte em forma de taça para os ossos dos braços e pernas, respectivamente. O labrum pode romper quando muita tensão é colocada sobre ele. Dor ao realizar certos movimentos ou uma sensação dolorosa na articulação são indicativos de um rompimento. Às vezes, uma sensação de prensamento na articulação é o único sintoma. Às vezes é necessário passar por uma cirurgia, mas exercícios podem ajudar a reabilitação de um rompimento, sem necessidade de cirurgia.

Outras pessoas estão lendo

Exercícios para o ombro

Séries de exercícios de movimento e exercícios de fortalecimento do manguito rotador são utilizados para reabilitar um labrum rompido. Normalmente, após os exercícios segue um período de descanso. Remédios para dor, especialmente medicamentos anti-inflamatórios, devem ser usados juntamente com os exercícios. Cerca de quatro a seis semanas de exercícios de reabilitação devem levar à recuperação. Uma variedade de exercícios de reabilitação de movimento para o ombro são usados, dentando-se na borda de um sofá, mesa de massagem ou na cama. Deite-se de bruços e deixe o braço ferido pender ao lado, em direção ao chão. Relaxe o pescoço e balance o braço para a frente cerca de 15 graus. Deixe-o balançar para trás e para frente. Com o tempo, você pode aumentar a distância do balanço para 45 graus. Outra série de exercícios de movimento que pode ser feito é, lentamente, fazer pequenos círculos com o seu braço enquanto ele está pendendo. Comece com pequenos círculos e aumente o tamanho dos círculos, se não sentir dor. Faça de cinco a 10 círculos em cada direção.

Exercícios para o quadril

Rompimentos no labrum do quadril podem exigir cirurgia, mas antes de escolher esta opção, tente exercícios de fortalecimento e ampliação de movimentos do quadril. Se os sintomas não desaparecem dentro de um mês, a cirurgia pode realmente ser necessária. A artroscopia do quadril é um procedimento cirúrgico simples. Um dos melhores exercícios que podem ser feitos para a reabilitação de uma lesão do quadril, com ou sem cirurgia, é correr em uma piscina. Pode-se usar um cinto de flutuabilidade para que você possa correr sem ter que tocar o fundo da piscina. Seu fisioterapeuta pode prescrever exercícios específicos para fortalecimento e estabilização, com base em seus movimentos, para a reabilitação do seu problema individual. Séries de exercícios de movimento, como a adução do quadril e alongamento dos flexores de quadril também são úteis. Para alongar os quadris, deite de costas e traga o joelho do quadril lesionado até o peito. Mantenha a outra perna esticada. Puxe o joelho contra o peito, segurando por trás do joelho. Outra maneira de alongar o quadril é levantar-se e avançar com o pé da perna não lesionada. Mantenha os pés apontando para a frente. Flexione o joelho levemente para a frente e apoie o seu peso no pé que está a frente. Pense em mover seu quadril para frente para que não dobre o tronco para frente. Deve-se manter as costas retas e inclinar para a frente até sentir o alongamento no quadril lesionado. Para alongar os adutores do quadril em suas coxas, faça o alongamento borboleta. Sente-se ereto, com as solas dos seus pés se tocando e os joelhos abertos para os lados. Tente encostar os joelhos no chão, mas não force aponto de incorrer em dor. Mantenha cada alongamento por 20 a 30 segundos e os faça de duas a três vezes por dia, a menos que o contrário seja indicado pelo seu médico ou fisioterapeuta.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível