Expectativa de vida na insuficiência cardíaca congestiva

Escrito por contributing writer | Traduzido por josciel sousa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Expectativa de vida na insuficiência cardíaca congestiva
A expectativa de vida na ICC depende de seu estágio (Comstock/Comstock/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

Sobre a insuficiência cardíaca congestiva

A insuficiência cardíaca congestiva (ICC) é um tipo particular de insuficiência cardíaca. "Congestiva" se regere ao regurgitamento que ocorre quando o fluxo do coração desacelera e o sangue oxigenado retornando para o coração continua fluindo na mesma taxa. Isso pode resultar em inchaço (edema) nas pernas e tornozelos e acúmulo de líquidos nos pulmões (edema pulmonar), que causa a falta de ar geralmente associada com a ICC sintomática. Se não for tratada, a ICC pode afetar gradualmente a função de todos os principais órgãos.

Estágios da ICC

A expectativa de vida na ICC varia de paciente a paciente e depende da gravidade da condição. Em 2001, a American Heart Association e o American College of Cardiology estabeleceram quatro estágios para ajudar a definir a severidade da ICC. O estágio A se aplica àqueles com antecedentes patológicos que incluem outras condições, como ataque cardíaco, hipertensão arterial e doença cardíaca, que automaticamente colocam essas pessoas em risco elevado de ICC. Os estágios de B a D pertencem àqueles com uma combinação de resultados de exames indicando claramente ICC. O estágio B indica uma pessoa que têm uma fração de ejeção (uma medida da quantidade de sangue bombeada para fora do ventrículo esquerdo a cada batimento cardíaco) abaixo de 40% (sendo normal 55% ou mais). O estágio C significa que o paciente têm uma fração de ejeção baixa além de sintomas de ICC, incluindo dificuldade respiratória, fadiga e atividade física reduzida. O estágio D se aplica àqueles com sintomas avançados e severos dos estágios B e C.

Manejo e tratamento da ICC

O estágio da ICC influencia diretamente como os pacientes e médicos irão juntos manejar e tratar essa condição. Os pacientes podem ajudar no manejo da ICC, particularmente em seus estágios iniciais e, consequentemente, prolongar as suas vidas parando de fumar, restringindo ou eliminando completamente o consumo de álcool, tendo uma dieta pobre em sal e gordura e se exercitando. Os médicos podem prescrever medicamentos, como os beta-bloqueadores, inibidores de ECA e diuréticos para ajudar a melhorar a função cardíaca e tratar os sintomas resultantes, como inchaço e retenção de líquidos. A cirurgia, incluindo a inserção de um marcapasso ou um transplante, também pode ser necessária. A expectativa de vida na ICC, assim como outras doenças e condições, é mais sombria quando o diagnóstico é feito no estágio final. Mas mesmo nesse caso, os médicos têm cautela para atribuir um tempo de sobrevida estimado.

Não perca

Referências

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível