Como expelir cálculos renais

Escrito por karen taylor | Traduzido por bruna latronico
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como expelir cálculos renais
A dor lombar é tão forte que pode causar vômitos e até desmaios (Comstock/Comstock/Getty Images)

De acordo com a Mayo Clinic, os cálculos renais ou pedras nos rins são pequenos depósitos rígidos de sais minerais que se depositam na superfície interna dos rins. Eliminar uma pedra pode causar uma dor excruciante. Muitas pessoas têm sintomas de dor nas costas ou na lateral do corpo que pode irradiar para a virilha.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Grandes quantidades de água
  • Remédios para dor

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Beba grandes quantidades de água durante três quartos do dia para ajudar a eliminar quaisquer cálculos do seu organismo. Se você se cansar de tomar água, sucos com cenouras, uvas e laranjas são bebidas ricas em citrato. De acordo com o NoMoreKidneyStone.com, o citrato ajuda a dissolver os tipos de cálculos feitos de cistina. Ingira também alimentos ricos em fibras. Tente permanecer ativo durante o dia, caminhando ou fazendo exercícios leves. Isso auxiliará no movimento dos cálculos. Alguns médicos orientam que seus pacientes com tendência à formação de pedras nos rins evitem alimentos derivados de leite. Evite a ingestão de bebidas como café ou refrigerantes, pois eles não ajudam na formação de urina.

  2. 2

    A litotripsia extracorpórea por ondas de choque (LECO) quebra os cálculos renais em pequenos pedaços que possam ser eliminados pela urina. Pacientes candidatos para a LECO são aqueles cujas pedras variam de 4 mm a 2 cm e causam dor ou obstrução urinária. Se você está grávida, tem problemas de coagulação, utiliza marcapasso ou possui estrutura anatômica anormal do rim, provavelmente não será candidato ao procedimento. Durante a LECO, as ondas de choque que são criadas fora do corpo atravessam a pele e os tecidos moles até que atinjam os cálculos densos. Se você fizer esse procedimento eletivo e ambulatorial, provavelmente precisará ser sedado, pois as ondas causam desconforto. Podem aparecer hematomas na pele após esse tipo de tratamento.

  3. 3

    A nefrolitotomia percutânea envolve a remoção cirúrgica das pedras por uma pequena incisão nas costas do paciente. Esse procedimento é feito naqueles em que as pedras são muito grandes para serem eliminadas pela urina e não respondem à terapia de choque. Para realização desse procedimento, é necessária anestesia geral. A NPC é geralmente reservada para grandes e complexos cálculos, sendo geralmente o último recurso antes da cirurgia aberta.

  4. 4

    A remoção por ureteroscópio é feita em pacientes que tenham uma pedra imóvel e alojada no ureter. De acordo com a National Kidney and Urologic Diseases Information Clearinghouse, o cirurgião passa um pequeno cabo de fibra óptica por um instrumento chamado ureteroscópio através da uretra para a bexiga, atingindo os ureteres e removendo a pedra.

Dicas & Advertências

  • Além de permanecer ativo durante a espera pela eliminação do cálculo renal, você pode tentar terapias de alívio da dor, como yoga, meditação, banhos em água quente e sentar-se com uma bola de tênis pressionada contra a área dolorida nas suas costas.
  • Cálculos renais, embora dolorosos, normalmente não causam dano. Entretanto, existe a chance que um deles se torne grande o suficiente para interromper o fluxo de urina. Essa ocasião pode evoluir para lesão renal e infecção.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível