Experiências simples sobre o ciclo de vida das borboletas para o ensino primário

Escrito por patrice lesco | Traduzido por carolina pires
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Experiências simples sobre o ciclo de vida das borboletas para o ensino primário
O ciclo de vida das borboletas pode ser o foco da sua experiência em sala de aula (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Ao invés de dar aos seus alunos do primário a tarefa de conduzir experimentos científicos individuais em sala de aula, é possível desenvolver uma série de experimentos simples ligados ao ciclo de vida de uma borboleta, para que possam cumprir juntos como uma turma. Este tipo de experiência ainda exige que cada aluno desenvolva uma hipótese e faça observações científicas como parte experimental do projeto, assim como conduzir uma análise e tirar conclusões.

Outras pessoas estão lendo

Ovos

O primeiro estágio do ciclo é o ovo. Uma borboleta adulta bota seus ovos em uma folha e, a partir do ovo, nasce a larva ou lagarta. Entre em contato com o centro de agricultura local e pergunte se pode comprar ovos de borboleta. Normalmente os ovos vêm em cores e formas diferente. Coloque-os nas folhas das plantas, dentro de um aquário com tampa. Use o tipo de planta que a borboleta usaria, como a Asclepias para borboletas monarcas. Peça aos alunos para desenvolverem hipóteses sobre o que acontecerá quando os ovos chocarem. Faça com que eles observem os ovos, notando quaisquer mudanças. Uma vez que os ovos chocarem, os alunos determinarão se a hipótese estava correta.

Lagartas

Mantenha as lagartas em um aquário com bastante folhagem para que elas se alimentem. Peça aos alunos para tentarem adivinhar o que acontecerá que permitirá às lagartas se tornarem borboletas. Peça para que cuidem destas últimas e das plantas, cuidando do ambiente do aquário e tomando nota de quaisquer mudanças nas lagartas.

Experiências simples sobre o ciclo de vida das borboletas para o ensino primário
Peça que os alunos cuidem do aquário onde as lagartas comem e crescem (Photos.com/Photos.com/Getty Images)

Pupa

Quando a lagarta se desenvolver para o estado de pupa ou casulo, peça aos alunos para tentarem prever o que acontecerá depois. Eles devem monitorar o casulo, anotando as observações. Uma vez que a borboleta começar a emergir, fotografe o processo para usar como referência durante discussões e em aulas futuras. Peça aos alunos para comparem suas hipóteses ao que realmente aconteceu e anotarem suas descobertas.

Experiências simples sobre o ciclo de vida das borboletas para o ensino primário
Tire fotos do processo de saída da borboleta de seu casulo (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Borboletas

Uma vez que a borboleta emergir do casulo, ela ficará parada e abrirá as asas para deixar que elas sequem. Se os alunos conseguirem ver a borboleta saindo, pergunte o que acham que acontecerá depois. A observação neste estágio do ciclo da vida da borboleta é muito importante; uma vez que as asas estiverem secas, a borboleta naturalmente vai desejar voar. Quando elas começarem a mexer as asas, peça que os alunos comparem o que está acontecendo com a hipótese feita por cada um. Em seguida, leve os aquários para fora da sala de aula e permita que seus alunos soltem os insetos para iniciar novamente o ciclo de vida da borboleta.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível