Faça você mesmo um lago de peixes de concreto

Escrito por adam benjamin | Traduzido por helmir soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Faça você mesmo um lago de peixes de concreto
Faça você mesmo um lago de peixes de concreto (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Os peixes precisam de locais e cursos de água para nadarem. O formato do lago, a profundidade e o espaço aberto dão aos peixes espaço para viverem. Planeje aquilo que seu jardim pode oferecer e que pareça bonito em sua paisagem. O concreto pode moldar a forma que você deseja, e você precisa apenas de paciência e estar sempre atento para cuidar deles.

Outras pessoas estão lendo

Moldar o chão

Verifique o lugar em seu quintal onde quer colocar o lago de peixes. Afaste-se de lugares com pedras e solos duros que sejam muito difíceis de cavar. Procure um solo firme onde construir o fundo e as paredes. Ache alicerces firmemente formados para colocar as fronteiras de apoio em torno do lago. Use a forma que a natureza e o terreno lhe oferecem. Cave o lago e faça o acabamento, trabalhando nos contornos do terreno que combinem com seu quintal. Remova toda a terra do buraco e consolide a forma do lago calcando e batendo com suas mãos os seus contornos.

Adicionar concreto

Coloque um revestimento plástico ecológico no buraco para impedir a drenagem. Faça um alicerce de cimento com arame de galinheiro, cuidadosamente moldado na forma do buraco e preso firmemente. Use concreto que tenha uma maior proporção de areia e cascalho, 4 por 1, para que ele não deslize e desfaça a forma nos declives e nas paredes laterais. Alicerce uma camada de 5 cm de concreto puxando o arame de galinheiro em torno dele. Aplique outra camada de 2,5 cm de concreto no topo da parte sólida. Melhore a forma com massa de cimento feito com uma parte de cimento e seis partes de água espalhando com uma desempenadeira. Faça uma superfície suave com contornos bonitos.

Fazer um laguinho

Meça o laguinho para verificar se ele é bom para os peixes nadarem. Deixe um espaço para eles nadarem à vontade e que possam apreciar. Reserve uma área para as plantas, pois elas precisam de espaço para crescer sem invadirem o território dos peixinhos. Faça a borda do lago de maneira que ela combine com a paisagem. Isso implica uma abertura de ar para as borboletas, passagens seguras para os sapos e acesso fácil de visualização.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível