Como faço para escrever um memorando interno eficiente?

Escrito por jean marie bauhaus Google | Traduzido por leandro fox
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como faço para escrever um memorando interno eficiente?
A habilidade para escrever um bom memorando pode ser aprendida e, com a prática, pode ser dominada (Memo image by firelover123 from Fotolia.com)

Um memorando interno efetivo pode ser difícil de se fazer. Aqueles que conseguem escrever memorandos que comunicam de forma clara e breve, se destacam aos olhos da alta administração, demonstrando tanto habilidades eficazes de comunicação escrita quanto um pleno domínio do assunto. Felizmente, a habilidade para escrever um bom memorando pode ser aprendida e, com a prática, pode ser dominada. A chave é mantê-lo breve, incluindo todas as informações mais importantes na primeira página.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Escrevendo bem

  1. 1

    Aprenda os procedimentos da sua empresa e as normas de formatação referentes a memorandos. Algumas empresas permitem um utilizar um modelo padrão do Word para criar um memorando, enquanto outras têm normas específicas relativas ao papel timbrado, tamanho do texto, fonte e formatação. Algumas vezes, cada departamento terá seu próprio conjunto de normas para memorandos. Obedecer a estes parâmetros não só demonstra que você sabe seguir instruções mas também, que se preocupa com a imagem da empresa e da marca.

  2. 2

    Preencha as informações de cabeçalho. Isso geralmente inclui a palavra "Memo" ou "Memorando" primeiro. Seja justificado à esquerda ou centralizado na parte superior da página. Abaixo deste vem a data. Escreva o assunto duas linhas abaixo, precedido pela palavra "Assunto:", ou "Re:"para respostas. Duas linhas abaixo do assunto, o "Para:" informa o destinatário principal. Abaixo disso, a linha "Cc:" lista todos os outros destinatários. Por fim, desça mais duas linhas para o "De:" e digite seu nome.

  3. 3

    Escreva o parágrafo da introdução, mantendo-a breve. Inclua duas ou três frases de informações básicas sobre o propósito do memorando.

  4. 4

    Escreva os pontos principais, dando a cada ponto sua própria linha com espaçamento duplo entre eles. Tenha em mente que esta é a parte mais provável de ser lida por um executivo ocupado que só tem tempo para vislumbrar o memorando. Seja conciso e faça valer cada palavra. Inclua todas as convocações para a ação nesta seção e mantenha todos os seus pontos principais na primeira página.

  5. 5

    Inclua dados e análises na próxima seção, se você estiver escrevendo um relatório analítico. Comece detalhando seu método, dados e suposições antes de se aprofundar em uma análise específica. Tente começar sua análise na primeira página e usar letras em negrito e tamanhos de fonte maiores para indicar títulos e subtítulos. Evite grandes blocos de texto, quebrando-os em parágrafos menores, de preferência não mais do que três ou quatro frases longas. Incluir apenas os dados relevantes e concluir com um campo "Limitações" que informa o leitor de todos os dados falhos ou problemas com a análise.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível