×
Loading ...

Fatores externos que influenciam a percepção

Atualizado em 23 março, 2017

A percepção é a habilidade de usar informações sensoriais para compreender o mundo que está a nossa volta. Ela nos permite tomar decisões, fazer julgamentos e escolhas sobre os outros e também sobre a nossa própria segurança e felicidade. Por exemplo, quando você dirige em uma cidade que ainda não conhece, imediatamente forma uma impressão baseada em coisas como a aparência dos edifícios, os tipos de carros, a limpeza das ruas e a paisagem. Essas impressões o levam a quer trancar as portas do carro caso se sinta ameaçado, ou o fazem procurar um restaurante caso o lugar pareça convidativo ou, simplesmente, o levam a manter-se apenas dirigindo. As suas percepções são formadas em base a fatores internos e externos. Fatores internos incluem coisas como humor e a forma como experiências anteriores foram sentidas, enquanto que fatores externos estão relacionados às características sensoriais que criam seus preconceitos internos e formam a base das suas reações.

Cheiros ruins podem mudar nossas percepções imediatamente (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

Informação sensorial intensa

Nossa atenção é facilmente roubada por cores brilhantes, movimentos rápidos ou incomuns, sons e odores mais fortes. Esses fatores externos formam blocos de percepção, porque enviam sinais para os nossos cérebros para que que fiquemos atentos. Por exemplo, quando tudo tem uma cor semelhante, a tendência é que a atenção da pessoa se volte aos detalhes e que ela relaxe ou fique entediada. Quando há um único detalhe mais brilhante, ou com uma cor contrastante, a pessoa vai imediatamente vê-lo, identificá-lo e lembrá-lo. Esse detalhe vai mudar a sua percepção do lugar previamente considerado chato ou relaxante. Esse tipo de percepção pode ser algo como: "este lugar é bonito", se há flores nele, ou "esse lugar é perigoso", se há um incêndio. Em ambos os casos, o ponto brilhante, contrastante, é que domina sua percepção. O mesmo acontece com outras informações sensoriais. Como exemplo, pode-se pensar em uma música desagradável ou mau cheiro em restaurante previamente considerado bom e belo. (Referência 3 exercício 1 notas)

Loading...

Repetição e familiaridade

Este é o motivo pelo qual agências de publicidade insistem em manter seus produtos visíveis o máximo possível. A repetição não apenas faz com que você preste atenção em algo, mas também dá ao produto a percepção que é importante, pois a familiaridade dá autoridade às suas reivindicações. Quando você não lembrar mais onde ouviu falar que o "produto X" limpa melhor e começar a associá-lo com excelentes resultados, é porque a campanha de marketing formou efetivamente a sua percepção. Pode-se ver isso em áreas como política e ensino, assim como em vendas, quando suas percepções são moldadas por mensagens repetitivas sobre determinados assuntos ou tópicos.

Informações únicas e inesperadas

Assim como um barulho repentino em um ambiente calmo, mensagens ou comportamentos inesperados podem influenciar muito nossas percepções. O comportamento mesquinho de um amigo de confiança, por exemplo, pode lhe fazer questionar imediatamente suas percepções sobre esta pessoa, assim como uma atitude positiva de uma pessoa que você tenha considerado desagradável em um primeiro momento. Da mesma forma, discussões inesperadas sobre produtos ou fatos podem chamar a sua atenção e fazer com que você estude novamente um assunto, ideia ou produto com mais cautela.

Fatores sociais e culturais

O comportamento dos outros e as expectativas culturais das pessoas moldam suas percepções diariamente. Pense como é difícil começar a ter aulas com um professor que tem a reputação de ser injusto ou muito exigente, ou ter aulas de um assunto que é considerado difícil. Sua percepção do professor ou do assunto pode impedi-lo de estar aberto para conhecer realmente este professor ou tema. De forma similar, as expectativas culturais também formam a nossa percepção, pois nos ajudam a focar no que é importante culturalmente. Estas expectativas pode causar tensão entre pessoas de diferentes culturas em relações sociais ou de negócios, devido à falta de simetria entre intenções e percepções. Por exemplo, não olhar diretamente para os olhos de uma pessoa é considerado respeitoso em muitas culturas, mas pode ser interpretado como falta de atenção em países como o Brasil.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...