×
Loading ...

Ferramentas antigas para mineração de ouro

Atualizado em 26 junho, 2018

Os antigos garimpeiros eram muito menos sofisticados do que os atuais. Pessoas fazem pedidos e mineram ouro nos rios. A corrida pelo ouro em Serra Pelada foi um dos eventos mais notáveis da história do país. Três ferramentas principais eram usadas, dependendo do tamanho da população que buscava o metal precioso e de quanto dinheiro possuíam.

A bateia até hoje é muito utilizada na busca por ouro (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Bateia

A bateia era a mais simples e rudimentar ferramenta usada pelos garimpeiros. A ferramenta que parece uma assadeira é usada até hoje. Terra e água eram colocadas dentro da bateia, peneiradas e selecionadas manualmente. Não havia furos na peça, de forma que a água e a terra fina eram despejadas e o ouro pesado podia ser encontrado na base da bateia. Se pepitas de ouro fossem encontradas, era removidas do resto da rocha e uma nova leva de areia e água era posta na bateia.

Loading...

Berço

O berço era uma caixa com diversas camadas que triturava as rochas. Havia um manete na borda da caixa que permitia ao mineiro balançar para frente e para trás. Grandes quantidades de rocha eram colocadas no topo da caixa e então baldes de água eram despejados. A água pressionava as rochas para os níveis mais baixos, que ficavam com as rochas mais pesadas, como o ouro, na base. O peso a água, assim como do movimento das pedras no berço, empurrava as pedras para baixo. O berço podia separar quantidades de rocha muito maiores do que a bateia.

Esteira

A esteira era essencialmente um berço, mas podia ter de 6 a 30 metros. Ele podia ser operado por pelo menos dois homens e podia separar grandes quantidades de terra e pedra de uma só vez. Em uma ponta, uma roda empurrava água pelo dispositivo, mas havia a opção de fazê-lo com baldes. O que restava na base da máquina era separado depois que a água levava o resto embora. A mineração ficou muito mais rápida com o uso dessa ferramenta, pois grandes quantidades de rocha eram separadas.

Faca, picareta e pá

Todo mineiro tinha uma faca, uma picareta e uma pá, que eram necessárias para cavar as rochas, mas também para a proteção no caso de alguém tentar pular em seu barrano ou tomar o que tinha achado. A pá era extremamente importante pois o ouro normalmente ficava abaixo de rochas ou no fundo do rio, não sendo encontrado em sedimentos de corrente e tendo de ser cavado. A picareta ajudava a encontrar o ouro quando a pá não podia resolver o problema.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...