Qual tipo de fertilizante é mais rico em nitrogênio?

Escrito por elizabeth mcnelis | Traduzido por nathalia antunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Qual tipo de fertilizante é mais rico em nitrogênio?
Fertilizantes com altos niveis de nitrogênio podem prejudicar as raízes delicadas das plantas (Hemera Technologies/Photos.com/Getty Images)

Cada tipo de planta tem uma necessidade diferente de nitrogênio, e algumas delas, por exigirem altos níveis, podem empobrecer o solo. Para isso, jardineiros e agricultores adicionam fertilizantes ricos em nitrogênio ao solo para repor o que foi perdido, a fim de melhorar a saúde das plantas e aumentar o rendimento da produção. Porém, o nitrogênio em excesso causa efeitos nocivos ao solo.

Outras pessoas estão lendo

Nitrogênio e plantas

As plantas precisam de nitrogênio para construir as proteínas e realizar a fotossíntese. Leguminosas como a alfafa e o feijão absorvem o nitrogênio da atmosfera fixando-o no solo para uso posterior. Infelizmente, a maioria das plantas consegue absorver apenas formas específicas dele através de suas raízes. O solo deficiente em nitrogênio provoca a atrofia do crescimento, pouca produção de frutos e flores e folhas amareladas nas plantas.

Rótulos

Para determinar a quantidade de nitrogênio presente em um fertilizante, leia o rótulo. Eles possuem três números que representam a porcentagem dos nutrientes primários, nitrogênio, fósforo e potássio, nessa ordem. Um fertilizante 5-1-1 contém 5% de nitrogênio, 1% de fósforo e 1% de potássio.

Amônia anidra e ureia

A amônia anidra contém 82% de nitrogênio. É uma substância difícil de utilizar como fertilizante; por ser um líquido altamente pressurizado, ele tem que ser injetado cerca de 6 cm dentro do solo, ou transforma-se rapidamente em gás. Uma vez no solo, as bactérias convertem a amônia em nitratos e nitritos utilizáveis​​. A ureia é um fertilizante de baixo custo, que tem 46% de nitrogênio e é fabricada a partir de amônia anidra. Ela também deve ser arada ou injetada no solo para evitar a volatilização para o ar como gás de amônia.

Outras opções

Opções mais fáceis de ser usadas incluem nitrato de cálcio, nitrato de potássio e nitrato de sódio. O nitrato de cálcio e o nitrato de sódio contém 16% de nitrogênio e o nitrato de potássio, 13%. Estes fertilizantes contêm nitrogênio utilizável pelas plantas, e não é necessária nenhuma conversão biológica do solo, como necessitam a amônia anidra e a ureia, e são amplamente utilizados na produção de frutas e vegetais.

Cuidados

Embora as plantas necessitem de nitrogênio para crescer e produzir, elas só podem usar uma determinada quantidade. As bactérias do solo podem converter parte do excesso de nitrogênio em nitrogênio atmosférico que é liberado para a atmosfera sem causar danos. No entanto, a precipitação e a irrigação muitas vezes fazem com que o excesso de nitrogênio penetre mais fundo no solo, contaminando o abastecimento de água e contribuindo para a proliferação de algas tóxicas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível