Filmes sobre Jesse James

Escrito por robert russell | Traduzido por liana fernandes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Jesse James (1847 a 1882) teve uma vida curta e violenta, mas longa o suficiente para que se tornasse um lendário herói popular americano. Como tal, Hollywood logo descobriu um mercado para a história de Jesse James. O primeiro filme sobre ele foi produzido em 1921 e, pelo menos, uma nova produção por década saia sobre ele, desde então.

Outras pessoas estão lendo

Filmes antigos

Os dois primeiros filmes foram "Jesse James Under the Black Flag" (1921) e "Jesse James as the Outlaw" (1921) [sem título em português]. Os dois filmes apresentavam Jesse James Jr. no papel de seu pai. Outros dois, "Jesse James - Lenda de uma Era Sem Lei" e "Days of Jesse James" foram lançados em 1939. O primeiro tinha Tyrone Power no papel de Jesse, Henry Fonda, como Frank James, e John Carradine, como Robert Ford. James foi apresentado em um contexto atraente para as plateias da década de 30. Ele é visto como um herói do oeste rural levado à vida de crimes por um clima econômico opressivo.

Décadas de 40 e 50

Dois filmes sobre Jesse James foram produzidos nos anos 1940: "Jesse James at Bay" (1947), estrelando Roy Rogers, e "Eu Matei Jesse James" (1949), com Reed Hadley. Os anos 1950 geraram quatro filmes: "Cavaleiros da Bandeira Negra" (1950), estrelando Audie Murphy; "The Great Mississippi Raid" (1951); "Jesse James' Women" (1957); "Quem Foi Jesse James" (1957); e a comédia "Valentão é Apelido" (1959), com Bob Hope. Segundo Terrence Rafferty, crítico cinematográfico de The New York Times, "Quem Foi Jesse James", com Robert Wagner, oferecia o retrato mais fiel e preciso de James. O filme cobre os últimos 18 anos de sua vida.

Décadas de 60 a 80

Alguns filmes sobre James foram feitos nos anos 60, incluindo "Jesse James Meets Frankenstein's Daughter" (1966) e outro filme com Murphy, "A Time for Dying" (1969). "Sem Lei e Sem Esperança" (1972), com Robert Duvall, conta a história do malfadado ataque que custou a James muitos dos seus melhores homens. O filme é sombrio e ousado, apresentando um retrato realista, cruel e desfavorável de James e seu bando. Os filmes dos anos 80 incluem "Cavalgada dos Proscritos" (1980), "The Last Days of Frank and Jesse James" (1986). Neste último, estrelam Kris Kristofferson, Johnny Cash e Willie Nelson.

Filmes contemporâneos

Foram lançados diversos filmes sobre James entre 1990 e 2012, incluindo "Frank & Jesse" (1994), "Purgatory" (1999), "Jovens Justiceiros" (2001), "Jesse James: Legend, Outlaw, Terrorist" (2005) e "O Assassinato de Jesse James pelo Covarde Robert Ford" (2007). Este último apresenta Brad Pitt no papel de James e Casey Affleck como Ford. O filme de quase duas horas e meia cobriu os últimos meses da vida de James, que terminou em sua cabana no Missouri, quando Ford levou um tiro pelas costas. Até 2011, foi o último filme de grande orçamento sobre James, embora uma produção mais modesta, "American Bandits: Frank and Jesse James", com Peter Fonda e George Stults, tenha saído em 2010.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível