Como fazer flexões sem machucar os pulsos

Escrito por d.m. brown | Traduzido por daniele joi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer flexões sem machucar os pulsos
É possível fazer flexões sem machucar seus pulsos (Pixland/Pixland/Getty Images)

Treinadores e médicos concordam que flexões bem conduzidas -- com o seu corpo mantido em linha reta enquanto se move para cima e para baixo -- são ótimas para fortalecer a região superior do corpo. Mas, ao fazer flexões com as mãos no chão, você pode impor uma pressão excessiva sobre seus pulsos, causando uma tensão dolorosa no pulso ou agravando uma lesão preexistente. Essa dor no pulso pode ser evitada ou aliviada.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Protetores de pulso
  • Alças para flexões
  • Halteres hexagonais pesados
  • Halteres leves

Lista completaMinimizar

Instruções

    Flexões sem dor

  1. 1

    Desloque a pressão de seus pulsos para os dedos. Curve as palmas das mãos para que seus dedos fiquem curvos. Quando pressionar as mãos contra o chão, a pressão sobre os pulsos deve ser reduzida.

  2. 2

    Alternativamente (e, talvez essa seja uma postura mais fácil de manter confortavelmente), faça as flexões com as mãos fechadas, para que seus pulsos não se curvem nem um pouco. Se o piso não for atapetado, use um colchão ou almofada para que os nós dos seus dedos não sejam pressionados contra o azulejo ou assoalho. Você pode ainda usar barras de flexão ou halteres hexagonais para manter os punhos retos.

  3. 3

    Protetores de pulso são usados com frequência ​​por portadores da síndrome do túnel do carpo para manter seus pulsos em linha reta e reduzir a dor. Mesmo que sua dor não tenha sido ocasionada pela digitação descuidada ou pela prática de tênis, esses protetores podem limitar a pressão sobre os pulsos enquanto você faz flexões, levanta pesos ou realiza outros exercícios extenuantes.

  4. 4

    Tire uma folga das flexões até que você tenha fortalecido seus pulsos e antebraços e sua dor no pulso tenha diminuído. A especialista em exercícios Betsey Stephens recomenda segurar um haltere em cada mão, com os cotovelos dobrados para os lados e as palmas voltadas para cima, e então enrolar seus pulsos para que os nós dos dedos apontem para o teto, repetindo esse movimento 15 vezes em um conjunto de três sequências. Use pesos que sejam leves o suficiente para evitar o cansaço excessivo, mas pesados o suficiente para fortalecer progressivamente os músculos.

  5. 5

    Flexione os punhos suavemente, girando-os para verificar se a dor no punho diminuiu o suficiente para permitir que você volte a fazer flexões. Retorne aos poucos à sua atividade física habitual, fazendo os exercícios devagar e com cuidado.

Dicas & Advertências

  • Evite se pressionar a um extremo irracional. Não importa o quão forte você seja como atleta, seu corpo precisa descansar e se recuperar entre as séries de exercício. Muitas lesões comuns podem ser evitadas, prestando atenção aos sinais fisiológicos. Nunca ignore a dor do pulso persistente continuando a fazer flexões, levantamento de peso ou qualquer outro exercício. Se você é incapaz de resolver a dor por conta própria, consulte um médico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível